PESQUISAR ESTE BLOG

quinta-feira, 30 de dezembro de 2021

Questão de História - COLUNI - UFV 2020 - Analise os documentos abaixo.

COLUNI - UFV 2020 - Analise os documentos abaixo.

Indígenas realizam caminhada ao longo da Esplanada dos Ministérios em protesto contra a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 215/00, que transfere da União para o Congresso Nacional o poder de decidir sobre a demarcação das Terras Indígenas. Brasília (DF), 18 de março de 2015. BRAICK, Patrícia Ramos. Estudar História: das origens do homem à era digital. 2. ed. São Paulo: Moderna, 2015, p. 241. 

DOCUMENTO II 
Na nossa terra temos muitas serras. Dentro das serras moram os xaporis, hekuras, os espíritos da natureza. As serras são lugares sagrados [...] onde os espíritos dos mortos retornam para viver. Os nossos velhos deixaram seus espíritos nesses lugares. Nós, yanomamis, queremos que as serras sejam respeitadas, não queremos que sejam destruídas. 

ZENUN, Katsue H.; ADISSI, Valeria Maria A. Ser Índio hoje. São Paulo: Edições Loyola, 1998, p. 83. Apud BOULOS JÚNIOR, Alfredo. História sociedade & Cidadania, 9º ano. 3. ed. São Paulo: FTD, 2015, p. 322. Sobre a demarcação das Terras Indígenas no Brasil, é CORRETO afirmar que: 
a) a Constituição de 1988 garante aos povos indígenas os direitos originários sobre as terras coletivas que eles ocupam tradicionalmente. 
b) a maior parte das Terras Indígenas regularizadas localiza-se na região litorânea brasileira e pertence aos povos Guarani. 
c) a demarcação das Terras Indígenas tem sido historicamente assinalada por um processo conflituoso e violento em função dos interesses indígenas na exploração de atividades ligadas ao agronegócio. 
d) os significados simbólicos e espirituais relacionados às tradições indígenas são critérios secundários na demarcação das Terras Indígenas.

RESPOSTA
Letra  A.

Nenhum comentário:

Qualquer valor...

Faça Uma Doação para o Blog de Geografia

Você gosta das postagens do blog e gostaria de ajudar: Ajude o blog "Blog  de Geografia" a manter seu trabalho. Para isso conto co...