PETS

quinta-feira, 30 de setembro de 2021

Questão de Geografia - FUVEST 1985 - Nas vastas planícies que dominam a paisagem, o inverno rigoroso cobre o solo

"Nas vastas planícies que dominam a paisagem, o inverno rigoroso cobre o solo com uma capa de neve que, ao fundir-se na primavera, permite a germinação de uma vegetação herbácea extensiva que atinge seu desenvolvimento máximo no verão chuvoso, quando intensa atividade biológica decompõe o capim morto do ano anterior, originando muito húmus e matéria orgânica, que conferem aos solos uma cor escura e muita fertilidade." A descrição refere-se:
a) às tundras
b) às estepes
c) às savanas
d) ao Sahel
e) à taiga

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1985 - Qual o papel social dos hilotas em Esparta ?

Qual o papel social dos hilotas em Esparta ? 
a) Cidadãos, com todas as funções políticas, dedicados principalmente às tarefas militares. 
b) Estrangeiros, geralmente comerciantes e artesãos, sem participação política. 
c) Servos, em geral trabalhadores braçais, sem direitos políticos reconhecidos. 
d) Governantes de Esparta nos períodos de guerra e líderes nas Assembleias Gerais dos cidadãos. 
e) Responsáveis pelas tarefas religiosas e membros da Assembleia de Anciãos.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1985 - Nápoles, Paestum, Síbaris, Tarento, Siracusa e Agrigento eram:

Nápoles, Paestum, Síbaris, Tarento, Siracusa e Agrigento eram: 
a) colônias troianas, a leste da Península Grega, constituindo a Grécia da Ásia. 
b) colônias fenícias no norte da África, que constituíam a Grande Cartago. 
c) colônias romanas, estabelecidas ao longo da Península Itálica, formando a Etrúria Latina. 
d) colônias gregas, fundadas a oeste da Península Grega, constituindo a Magna Grécia. 
e) colônias persas, no Mediterrâneo Ocidental, formando a Grande Macedônia.

RESPOSTA: 
Letra  D.

Questão de História - FUVEST 1985 - As comunas medievais caracterizaram-se por:

As comunas medievais caracterizaram-se por: 
a) radicalismo político que tendia ao anticlericalismo. 
b) autonomia das cidades em relação aos senhores feudais, com governo, direito e símbolos próprios. 
c) aumento do clericalismo, resultando no reforço da autoridade papal. 
d) fortalecimento da submissão à autoridade dos senhores feudais. 
e) aglomeração de marginalizados que exerciam o banditismo.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1985 - O "Juízo Final", pintado no teto da Capela Sistina, e a "Divina Comédia" são obras

O "Juízo Final", pintado no teto da Capela Sistina, e a "Divina Comédia" são obras, respectivamente, de autoria de: 
a) Rafael e Boccacio. 
b) Bernini e Shakespeare. 
c) Michelangelo e Dante Alighieri. 
d) Tiziano e Petrarca. 
e) Leonardo da Vinci e São Tomás de Aquino

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1985 - É característica da economia holandesa, na primeira metade do século XVII:

É característica da economia holandesa, na primeira metade do século XVII: 
a) a preponderância das atividades comerciais e financeiras, com a formação de importante frota naval. 
b) o predomínio do setor industrial na economia, em detrimento das atividades comerciais. 
c) a formação de companhias de comércio, dando início ao liberalismo econômico. 
d) o aproveitamento exclusivo de rotas fluviais, consolidando a hegemonia econômica na Europa Oriental. e) a inexistência de agricultura e pesca, conduzindo à dependência dos países fornecedores.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1985 - As revoluções de 1848 na Europa:

As revoluções de 1848 na Europa: 
a) tentaram impor o retorno do Absolutismo, anulando as conquistas da Revolução Francesa. 
b) foram marcadas pelo caráter nacionalista e liberal, incluindo propostas socialistas. 
c) provocaram a união das tropas de Bismarck e Napoleão III para destruir o governo revolucionário. 
d) conduziram Luís Felipe ao trono da França e deram origem à Bélgica como estado independente. 
e) foram vitoriosas e completaram as unificações nacionais na Itália e Alemanha.

RESPOSTA: 
Letra B.

Mesmo após o fim da Revolução Francesa e a queda de Napoleão Bonaparte, os ideais liberais, burgueses, iluministas e nacionalistas ainda perduravam a Europa e suprimiram pouco a pouco a Santa Aliança, estabelecida no Congresso de Viena. O Socialismo surge no contexto de ascensão da burguesia capitalista.

Questão de História - FUVEST 1985 - Angola, Congo, Benguela Monjolo, Cabinda, Mina Quiloa, Rebolo

"Angola, Congo, Benguela 
 Monjolo, Cabinda, Mina 
 Quiloa, Rebolo" 
 (Jorge Benjor, África/Brasil-Zumbi) 
Os textos referem-se a. 
a) colônias holandesas de exploração na África do século XVI ao século XVIII. 
b) grupos africanos escravizados e trazidos para o Brasil durante a colonização. 
c) reinos africanos que se rebelaram contra a colonização portuguesa na época da independência do Brasil. 
d) comunidades livres formadas por escravos fugitivos. 
e) países africanos atuais que mantêm estreitos vínculos com a cultura brasileira.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1985 - O reconhecimento da independência brasileira por Portugal foi devido principalmente:

O reconhecimento da independência brasileira por Portugal foi devido principalmente: 
a) à mediação da França e dos Estados Unidos e ã atribuição do título de Imperador Perpétuo do Brasil a D. João VI. 
b) à mediação da Espanha e ã renovação dos acordos comerciais de 1810 com a Inglaterra. 
c) à mediação de Lord Strangford e ao fechamento das Cortes Portuguesas. 
d) à mediação da Inglaterra e à transferência para o Brasil de dívida em libras contraída por Portugal no Reino Unido. 
e) à mediação da Santa Aliança e ao pagamento Inglaterra de indenização pelas invasões napoleônicas.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1985 - Qual dos fatores abaixo mais contribuiu para a grande expansão das lavouras de café no Brasil, no período 1830-1890?

Qual dos fatores abaixo mais contribuiu para a grande expansão das lavouras de café no Brasil, no período 1830-1890? 
a) Impulso demográfico interno de 1800 a 1830. 
b) Maciça transferência de capitais estrangeiros para o setor agrícola. 
c) Destruição das lavouras nas Antilhas Francesas. 
d) Adoção das tarifas Alves Branco e Murtinho. 
e) Elevação dos preços pela crescente demanda mundial.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1985 - No movimento operário brasileiro da Primeira República, a Greve Geral de 1917:

No movimento operário brasileiro da Primeira República, a Greve Geral de 1917:
a) localizou-se em São Paulo, reivindicando a adoção da jornada de oito horas de trabalho e a proibição do trabalho feminino noturno.
b) atingiu os principais núcleos urbanos e industriais do Brasil, prolongando-se devido à recusa de negociações pelos grevistas.
c) restringiu-se ao Rio de Janeiro, articulando-se com movimentos militares de oposição ao governo Wenceslau Brás.
d) atingiu somente o Rio de Janeiro e São Paulo, sofrendo dura repressão conjunta do Exército e da Marinha.
e) paralisou a produção cafeeira, reivindicando equiparação com os trabalhadores urbanos na jornada de oito horas de trabalho.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1985 - Em 1922, as instituições republicanas sofrem importante abalo.

Em 1922, as instituições republicanas sofrem importante abalo. O candidato oficial do Partido Republicano enfrentou forte oposição liderada pelo candidato dissidente, que promoveu intensa campanha popular por todo o País. Identifique essa dissidência e seu candidato. 
a) Civilista – Rui Barbosa. 
b) Militarista – Hermes da Fonseca. 
c) Reação Republicana – Nilo Peçanha. 
d) Salvação nacional – Pinheiro Machado. 
e) Federalista – Assis Brasil.

RESPOSTA: 
Letra C.

quarta-feira, 29 de setembro de 2021

Questão de História - FUVEST 1984 - Na política desenvolvimentista do governo Juscelino Kubitschek, destaca-se a:

Na política desenvolvimentista do governo Juscelino Kubitschek, destaca-se a: 
a) restrição das atividades sindicais mediante . reforma da Constituição de 1946. 
b) nacionalização do petróleo impondo o monopólio estatal do produto. 
c) anulação das disparidades econômico-regionais brasileiras. 
d) eliminação do Estado como instrumento coordenador do desenvolvimento. 
e) abertura para o capital estrangeiro como principal alavanca do desenvolvimento industrial.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1984 - As revoltas tenentistas ocorridas na década de 1920 no Brasil expressam:

As revoltas tenentistas ocorridas na década de 1920 no Brasil expressam:
a) as aspirações militares favoráveis à preservação da política "café-com-leite".
b) a oposição de certos setores militares e de camadas urbanas à oligarquia dominante.
c) a tomada de consciência do operariado como classe social dotada de interesses próprios.
d) a oposição ao programa socialista defendido pela Coluna Prestes.
e) a insatisfação política com o Pacto de Pedras Altas, firmado entre o governo federal e o de Minas Gerais.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1984 - Com a ascensão da produção cafeeira no oeste paulista, na segunda metade do século XIX

Com a ascensão da produção cafeeira no oeste paulista, na segunda metade do século XIX, acentuou-se a: a) decadência da monocultura que caracterizava a economia brasileira desde a Colônia. 
b) utilização do trabalho assalariado com o crescimento da imigração. 
c) luta dos cafeicultores paulistas a favor da centralização político-administrativa. 
d) acumulação interna de capitais, eliminando a dependência financeira externa do país. 
e) falta de capitais para a agricultura, devido intensificação do tráfico de escravos.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1984 - A atuação da Inglaterra no processo do emancipação política do Brasil tinha por objetivos

A atuação da Inglaterra no processo do emancipação política do Brasil tinha por objetivos
a) dividir com os portugueses os lucros do comércio de escravos.
b) garantir a manutenção dos interesses comerciais ingleses no país.
c) organizar uma república parlamentar, constituída de províncias autônomas.
d) implantar no Brasil núcleos coloniais de população inglesa.
e) anular os termos estabelecidos no Tratado de Methuen.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1984 - A atuação dos jesuítas nas reduções indígenas do Brasil levou:

A atuação dos jesuítas nas reduções indígenas do Brasil levou: 
a) ao agravamento dos conflitos entre colonos e indígenas na organização interna das reduções. 
b) ao processo de aculturação dos índios e ao desmantelamento de seu universo de valores. 
c) b unificação das tribos indígenas impedindo a dominação metropolitana. 
d) ao crescimento da escravidão indígena como única mão-de-obra disponível na colônia. 
e) ao rompimento da subordinação da Igreja ao Estado (Padroado).

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1984 - Indique o elemento comum apresentado pelas colonizações portuguesa e espanhola na América:

Indique o elemento comum apresentado pelas colonizações portuguesa e espanhola na América: 
a) liberdade de religião e de pensamento para a população, originária das metrópoles. 
b) regime comercial de porto único. 
c) monopólio do comércio colonial exercido por grupos de mercadores metropolitanos. 
d) introdução do regime da encomienda. 
e) difusão da cultura ibérica através de Universidades.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1984 - Entre as características do regime nazista destacam-se:

Entre as características do regime nazista destacam-se: 
a) anti-arianismo e nacionalismo exacerbado.
b) desenvolvimento artístico sem intervenção do Estado:
c) política de expansão colonial baseada nas práticas mercantilistas.
d) sistema de partido único e doutrina do espaço vital.
e) tolerância religiosa e pluralismo cultural.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1984 -Da intervenção norte-americana na Guerra de Independência do Cuba, em 1898, resultou

Da intervenção norte-americana na Guerra de Independência do Cuba, em 1898, resultou 
a) a negociação do paz entre Cuba e Espanha, referendada paina Tratados do Madri. 
b) a retirada de tropas o capitais norte-americanos que predominavam em Cuba. 
c) a submissão de Cuba aos interesses norte-americanos através da Emenda Platt. 
d) o início do relações de amizade entro Cuba o os E.U.A., com a aplicação da "Política de Boa Vizinhança". 
e) a industrialização de Cuba, rompendo a dependência herdada do período colonial.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1984 - O liberalismo como ideologia própria da burguesia está alicerçado,

O liberalismo como ideologia própria da burguesia está alicerçado, entre outros, nos seguintes princípios fundamentais: 
a) propriedade privada, liberdade de pensamento, igualdade jurídico-política. 
b) igualdade de classes, liberdade do pensamento, materialismo. 
c) propriedade privada, corporativismo, liberdade do expressão. 
d) igualdade jurídico-política, fraternidade, exaltação do misticismo. 
o) igualdade do classe, liberdade religiosa, corporativismo.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1984 - Do ponto do vista cultural, a Baixa Idade Média foi marcada por:

Do ponto do vista cultural, a Baixa Idade Média foi marcada por: 
a) surgimento da filosofia patrística e criação das escolar: monásticas. 
b) predomínio da cultura bizantina e difusão da pintura islâmica. 
c) apogeu da arte românica o valorização da filosofia grega. 
d) influência da cultura greco-romana e declínio da pintura flamenga. 
c) crescimento das universidades e esplendor da arte gótica.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1984 - Qual a principal característica da democracia ateniense na época clássica ?

Qual a principal característica da democracia ateniense na época clássica ? 
a) Atenas era urna cidade-estado autônoma. 
b) O governo era exercido polo Conselho dos Éforos. 
c) Os poderes estavam concentrados na Assembleia Popular. 
d) Os governantes eram eleitos  por todos os residentes na cidade. 
e) Os metecos tinham direito à propriedade da terra.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1983 - Após as guerras médicas:

Após as guerras médicas: 
a) Esparta expandiu seu império marítimo. 
b) iniciou-se o processo de unificação politica da Grécia. 
c) os persas fixaram-se nas colónias gregas da Ásia Menor. 
d) os persas dominaram o Mar Egeu. 
e) Atenas tornou-se uma potência hegemônica.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1983 - O mapa histórico acima refere-se aos inícios da Idade Média. Suas setas indicam:

O mapa histórico acima refere-se aos inícios da Idade Média. Suas setas indicam: 
a) a Reconquista de Justiniano. 
b) o roteiro da Primeira Cruzada. 
c) as invasões vândalas. 
d) a expansão do Islamismo. 
e) as rotas do comércio veneziano.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1983 - Para moer o trigo e assar o pão, o camponês dependia do uso do moinho e do forno

Para moer o trigo e assar o pão, o camponês dependia do uso do moinho e do forno de propriedade do senhor. Este direito feudal é conhecido pelo nome de: 
a) censo. 
b) talha. 
c) banalidades. 
d) corveia. 
e) mão-morta.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1983 - Os conflitos entre colonos americanos e a Inglaterra, que desencadearam a Guerra de Independência dos Estados Unidos

Os conflitos entre colonos americanos e a Inglaterra, que desencadearam a Guerra de Independência dos Estados Unidos, originaram-se de divergências sobre as seguintes questões: 
a) direito dos colonos de organizarem milícias; extinção da atividade agrícola no sul; criação de escolas. 
b) liberdade de comércio; representação colonial no Parlamento; legalidade da cobrança de impostos. 
c) direito do Parlamento de legislar sobre as colônias; importação das manufaturas inglesas; liberdade de culto. 
d) imigração estrangeira; nomeação de governadores; extinção das assembleias coloniais. 
e) desenvolvimento das manufaturas coloniais; sucessão do trono inglês; pagamento da divida da Guerra dos Sete Anos.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1983 - O Marquês de Beccaria, autor do livro Dos Delitos e das Penas (1764), defendia o seguinte postulado:

O Marquês de Beccaria, autor do livro Dos Delitos e das Penas (1764), defendia o seguinte postulado: nenhum crime pode existir, nem pena pode ser aplicada, sem que exista previamente uma lei que os de fina. A adoção deste princípio liberal nos Códigos Penais modernos:
a) permitiu ao cidadão pautar sua conduta dentro dos limites da lei e defender-se contra os abusos do Estado.
b) possibilitou ao Estado legislar com efeito retroativo e condenar sem necessidade de provas.
c) assegurou ao magistrado o direito de aplicar ao acusado uma pena não estatuída por lei escrita.
d) concedeu aos condenados o direito de postular a revisão de suas penas sem recorrer a advogados.
e) atribuiu ao Estado a faculdade de conceder anis tia, garantindo ao acusado direito de defesa.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1983 - No século XIX, vários grupos de diferentes tendências lutaram pela unificação da Itália

No século XIX, vários grupos de diferentes tendências lutaram pela unificação da Itália, assumindo o poder, no novo Estado, a facção: 
a) popular republicana, simpatizante do anarquismo, comandada por Garibaldi. 
b) católica radical, adepta da monarquia teocrática, representada pelo Papa Pio XX. 
c) proletária urbana, defensora do socialismo, chefiada por La Farina. 
d) monárquico-burguesa, de tendência liberal, dirigida pelo Conde de Cavour. 
e) pequeno-burguesa, partidária da república, liderada por Mazzini.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1983 - Os holandeses invadiram o Brasil pressionados pela necessidade de:

Os holandeses invadiram o Brasil pressionados pela necessidade de: 
a) romper o bloqueio econômico, com o qual a União Ibérica pretendia subjugar as Províncias Unidas. 
b) defender o monopólio africano do tráfico de escravos, ameaçado pelo acordo comercial anglo espanhol. c) conquistar novos mercados, devido à fragmentação do Império Flamengo na Ásia Oriental. 
d) recuperar o mercado açucareiro, perdido por ocasião da restauração de D. João VI no trono português. 
e) expandir o calvinismo na América do Sul, em razão das perseguições religiosas nas Províncias Unidas.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1983 - O sistema eleitoral adotado no Império brasileiro estabelecia o voto censitário.

O sistema eleitoral adotado no Império brasileiro estabelecia o voto censitário. Esta afirmação significa que: 
a) o sufrágio era indireto no que se referia às eleições gerais. 
b) para ser eleitor era necessário possuir uma determinada renda anual. 
c) as eleições eram efetuadas em dois turnos sucessivos. 
d) o voto não era extensivo aos analfabetos e às mulheres. 
e) por ocasião das eleições, realizava-se o recenseamento geral da população.

RESPOSTA: 
Letra B.

Segundo as leis daquela época, era necessário que o eleitor comprovasse uma renda mínima anual para exercer os direitos políticos. Para ser eleitor em esfera local, ele deveria comprovar uma renda de 100 mil réis; para votar em âmbito provincial e nacional, 200 mil réis; para concorrer ao cargo de deputado, 400 mil réis; e de senador, a quantia de 800 mil réis.

Questão de História - FUVEST 1983 - Retardaram o fim da escravidão no Brasil:

Retardaram o fim da escravidão no Brasil:
a) a expansão do trabalho assalariado e o colapso da lavoura canavieira no Rio de Janeiro. 
b) a intervenção política da Inglaterra e a desorganização do trabalho agrícola no Oeste Paulista. 
c) a incipiente industrialização e a queda dos Preços do açúcar e do café no mercado internacional. 
d) a exigência de indenização por parte dos proprietários e a ineficiente política de substituição da mão de obra. 
e) o aumento do tráfico interprovincial e o crescimento das classes médias urbanas.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1983 - A negociação do "funding loan" por Campos Salles

A negociação do "funding loan" por Campos Salles teve, entre outros, o objetivo de: a) punir os governadores dissidentes, utilizando-se da pressão econômica e ameaçando de execução as dívidas de seus Estados com a União. 
b) socorrer a cafeicultura em crise através de uma política de preços mínimos, formando estoques reguladores e proibindo o plantio de novos cafeeiros. 
c) reescalonar o ritmo das obras de combate à febre amarela e de embelezamento do Rio de Janeiro de modo a aliviar as dívidas do Tesouro. 
d) reajustar as tarifas alfandegárias para ampliar os recursos do Estado e aplicá-los em projetos agroindustriais e de exploração mineral. 
e) superar a ameaça iminente de bancarrota financeira do país, diante da impossibilidade de saldar em dia os compromissos com os credores externos.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1983 - Mozart Firmeza, fazendo apologia da Revolução de 1932

Mozart Firmeza, fazendo apologia da Revolução de 1932 , assim se expressou : “ o país inteiro se revoltou contra os maus irmãos que fizeram da vitória de outubro a vergonha do espírito revolucionário “ . Esta afirmação é uma crítica aos:
a) militantes da Aliança Liberal e aos organizadores do voluntariado
b) representantes do Partido Constitucionalista e aos Interventores
c) Integrantes do Governo Provisório e aos tenentes
d) Membros do Partido republicano Paulista e aos dirigentes sindicalistas
e) Líderes do partido Democrático e aos oficiais da força pública.

RESPOSTA: 
Letra C.

terça-feira, 28 de setembro de 2021

Questão de História - FUVEST 1982 - Escreveram peças para teatro, durante o "Século de Péricles" (séc. V a.C.):

Escreveram peças para teatro, durante o "Século de Péricles" (séc. V a.C.): 
a) Homero, Tucídides, Heródoto e Xenofonte
b) Ésquilo, Sófocles, Eurípedes e Aristófanes
c) Sócrates, Protágoras, Platão e Aristóteles 
d) Eratóstenes, Arquimedes, Euclides e Pitágoras
e) Pindaro, Alceu, Safo e Hesíodo

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1982 - A "Querela das Investiduras" foi um conflito instaurado entre

A "Querela das Investiduras" foi um conflito instaurado entre 
a) os Papas e os Imperadores do Sacro Império Romano-Germânico. 
b) os senhores feudais e os cavaleiros. 
c) as ordens religiosas e os Patriarcas de Constantinopla. 
d) os monges de Cluny e o Papa Gregório VII.
e) os gibelinos e o Imperador Henrique IV.

RESPOSTA: 
Letra A.

O conflito entre papas e imperadores se dava exatamente em razão da função de “Investir”, isto é, conceder os cargos para o poder espiritual – ou seja, para os membros da Igreja –, colocando sobre estes as insígnias que os caracterizavam.

Questão de História - FUVEST 1982 - No processo de formação dos Estados Nacionais da França e da Inglaterr

No processo de formação dos Estados Nacionais da França e da Inglaterra podem ser identificadas os seguintes aspectos: 
a) fortalecimento do poder da nobreza e retardamento da formação do Estado Moderno 
b) ampliação da dependência do rei em relação aos senhores feudais e da Igreja 
c) desagregação do feudalismo e centralização política 
d) diminuição do poder real e crise do capitalismo comercial 
e) enfraquecimento da burguesia e equilíbrio entre o Estado e a Igreja

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1982 - A Independência das Colônias da América se situa no contexto

A Independência das Colônias da América se situa no contexto 
a) do apogeu do pacto colonial. 
b) da crise do sistema feudal. 
c) do enfraquecimento da burguesia europeia. 
d) do fortalecimento dos Estados Absolutistas. 
e) da crise do monopólio das Metrópoles.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1982 - A conquista da Ásia e da África, durante a segunda metade do século XIX

A conquista da Ásia e da África, durante a segunda metade do século XIX, pelas principais potências imperialistas, objetivava:
a) A busca de matérias-primas, a aplicação de capitais excedentes e a procura de novos mercados para os manufaturados.
b) A implantação de regimes políticos favoráveis à independência das colônias africanas e asiáticas.
c) O impedimento da evasão em massa dos excedentes demográficos europeus para aqueles continentes.
d) A implantação da política econômica mercantilista, favorável à acumulação de capitais nas respectivas metrópoles.
e) A necessidade de interação de novas culturas, a compensação da pobreza e a cooperação dos nativos.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1982 - Quais dos fatores a seguir contribuíram para a ascensão do fascismo na Itália, durante a década de 1920?

Quais dos fatores a seguir contribuíram para a ascensão do fascismo na Itália, durante a década de 1920?
a) antinacionalismo e ascensão do proletariado 
b) crescimento econômico e fortalecimento do poder real 
c) ascensão do campesinato e expansão colonial 
d) nacionalismo e crise econômica 
e) fortalecimento do liberalismo e aliança ítalo-russa.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1982 - No período colonial o Brasil, exemplo típico de colônia de exploração

No período colonial o Brasil, exemplo típico de colônia de exploração, apresentava as seguintes características: 
a) grande propriedade, policultura, produção comercializada com outras colónias e mão-de-obra livre 
b) pequena propriedade, cultura de subsistência, produção para o consumo interno e trabalho livre 
c) colonato, produção manufatureira comercializada com a Metrópole e mão-de-obra compulsória 
d) latifúndio, cultura de subsistência, produção destinada ao mercado interno e mão-de-obra imigrante
e) grande propriedade, monocultura, produção para o mercado externo e mão-de-obra escrava

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1982 - Qual destas definições expressa melhor o que foram as Bandeiras?

Qual destas definições expressa melhor o que foram as Bandeiras?
a) Expedições financiadas pela Coroa que se propunham exclusivamente a descobrir metais e pedras preciosas
b) Movimentos de fundo catequético, liderados pelos jesuítas para a formação de uma nação indígena cristã
c) Expedições particulares que apresavam os índios e procuravam metais e pedras preciosas
d) Empresas organizadas com o objetivo de conquistar as áreas litorâneas e ribeirinhas
e) Incursões de portugueses para atrair tribos indígenas para serem catequisadas pelos jesuítas

RESPOSTA: 
Letra C.

Ao longo dos séculos XVI e XVII, o bandeirantismo se consolidou como uma das mais ativas e significativas atividades econômicas do período colonial. Sem a disposição de boas armas ou material apropriado, vários homens se embrenhavam pela mata em busca de recursos que incrementassem o seu sustento. Em geral procuravam índios para serem apresados e vendidos como escravos; drogas do sertão; e realizavam a busca por metais preciosos ao longo do território percorrido.

Questão de História - FUVEST 1982 - A Inconfidência Mineira, no plano das ideias, foi inspirada

A Inconfidência Mineira, no plano das ideias, foi inspirada
a) nas reivindicações das camadas menos favorecidas da Colônia.
b) no pensamento liberal dos filósofos da Ilustração europeia.
c) nos princípios do socialismo utópico de Saint-Simon.
d) nas ideias absolutistas defendidas pelos pensadores iluministas.
e) nas fórmulas políticas desenvolvidas pelos comerciantes do Rio de Janeiro.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1982 - A extinção do tráfico negreiro, em 1850

A extinção do tráfico negreiro, em 1850
a) reativou a escravização do índio. 
b) ocasionou a queda da produção cafeeira no Oeste Paulista. 
c) acarretou uma crise na indústria naval. 
d) acentuou a crise comercial da segunda metade do século XIX. 
e) liberou capitais para outros setores da economia.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1982 - Do "Convénio de Taubaté", em 1906, decorreu uma política de

Do "Convénio de Taubaté", em 1906, decorreu uma política de 
a) incentivo à policultura, para atender aos interesses dos pequenos proprietários. 
b) valorização do café, com a intervenção direta do Estado na economia cafeeira. 
c) controle da produção açucareira pelas limitações do mercado consumidor. 
d) estimulo ã produção cafeeira no Vale do Paraíba e no sul de Minas Gerais. 
e) reestruturação da economia paulista, sem a intervenção governamental.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1982 - O movimento modernista brasileiro durante a década de vinte caracterizou-se pelo

O movimento modernista brasileiro durante a década de vinte caracterizou-se pelo 
a) existencialismo. 
b) simbolismo. 
c) estruturalismo. 
d) nacionalismo. 
e) concretismo.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1981 - Roma expandiu-se consideravelmente pelo Mediterrâneo no período republicano.

Roma expandiu-se consideravelmente pelo Mediterrâneo no período republicano. No século II a.C., foram consequências dessa expansão:
a) o aparecimento da classe média de proprietários rurais e o desaparecimento dos latifúndios.
b) o aumento da população rural na batia e a diminuição da população urbana.
c) o sensível afluxo de riquezas e o crescimento do número de escravos.
d) a formação de grande número de pequenas propriedades e o fortalecimento do sistema assalariado.
c) a proscrição das manifestações culturais estrangeiras e a difusão do cristianismo.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1981 - Dentre os fatores citados abaixo, assinale aquele quando concorreu para a difusão da civilização bizantina

Dentre os fatores citados abaixo, assinale aquele quando concorreu para a difusão da civilização bizantina na Europa Ocidental. 
a) fuga dos sábios bizantinos para o Ocidente após a queda de Constantinopla. 
b) expansão da Reforma Protestante, que marcou a quebra da unidade da Igreja Católica. 
c) divulgação e estudo da legislação de Justiniano, conhecida como "Corpus Juris Civilis".
d) intercâmbio cultural ligado ao movimento das Cruzadas. 
e) contatos comerciais das repúblicas marítimas italianas com os portos no Mar Egeu e Mar Negro.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1981 - Podem ser apontados como traços característicos da Renascença:

Podem ser apontados como traços característicos da Renascença: 
a) a exaltação dos valores culturais medievais e o humanismo. 
b) a sua associação com o mecenato e o pensamento preponderantemente teocêntrico. 
c) o antropocentrismo e a preocupação com os valores individuais. 
d) o acatamento da autoridade do pensamento escolástico e o naturalismo. 
e) o racionalismo e a sua associação com os valores da aristocracia rural.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1981 - Indique, entre as alternativas abaixo, qual delas ordena corretamente a sequência do processo histórico:

Indique, entre as alternativas abaixo, qual delas ordena corretamente a sequência do processo histórico:
a) Liberalismo burguês - crise do sistema feudal -Revolução Francesa - formação dos estados nacionais.
b) Iluminismo - feudalismo - revoluções burguesas na França - expansão ultramarina.
c) Iluminismo - absolutismo monárquico - capitalismo industrial - colonização do Novo Mundo.
d) Renascimento - capitalismo industrial - constituição das monarquias nacionais - mercantilismo.
e) Mercantilismo - revoluções burguesas liberais - capitalismo monopolista - totalitarismos.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1981 - A Inglaterra apoiou os movimentos de independência da América Espanhola no século XIX porque queria:

A Inglaterra apoiou os movimentos de independência da América Espanhola no século XIX porque queria: a) implantar na América as ideias liberais expressas por Locke. 
b) abrir mercados consumidores para sua crescente produção industrial. 
c) fazer cumprir os princípios intervencionistas estabelecidos pela Santa Aliança. 
d) auxílio militar das colônias espanholas contra Napoleão. 
e) dominar o tráfico de escravos para a América.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1981 - Que ocorreu na União Soviética em decorrência das mudanças sócio-políticas instauradas pela Revolução Russa de 1917?

Que ocorreu na União Soviética em decorrência das mudanças sócio-políticas instauradas pela Revolução Russa de 1917? 
a) Estatização dos principais meios de produção. 
b) Legalização do sistema pluripartidarista. 
c) Divisão dos latifúndios em pequenas propriedades denominadas colcozes. 
d) Igualdade salarial de todos os cidadãos. 
e) Eliminação das diferenças culturais e religiosas dos diversos grupos étnicos.

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1981 - O processo de colonização portuguesa no Brasil caracterizou-se por promover:

O processo de colonização portuguesa no Brasil caracterizou-se por promover:
a) liberdade de comércio e trabalho assalariado.
b) escoamento do excedente demográfico português.
c) descentralização política e sociedade igualitária.
d) subordinação política e monopólio comercial.
e) imigração da aristocracia rural portuguesa.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1981 - A atual configuração do território brasileiro foi definida em suas linhas gerais no século XVIII pelo:

A atual configuração do território brasileiro foi definida em suas linhas gerais no século XVIII pelo: 
a) Tratado de Tordesilhas, que fixou os domínios portugueses e espanhóis na América. 
b) Tratado de Santo Ildefonso, pelo qual foram cedidos a Portugal os Sete Povos das Missões. 
c) Tratado de Utrecht, que incorporou ao Brasil a Província Cisplatina. 
d) Tratado de Lisboa, que garantiu os direitos de posse sobre o Território do Acre. 
e) Tratado de Madri, que reconheceu a ocupação territorial além da linha de Tordesilhas.

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1981 - Entre as condições que favoreceram a incipiente atividade industrial no II Reinado, podemos citar:

Entre as condições que favoreceram a incipiente atividade industrial no II Reinado, podemos citar: 
a) a disponibilidade de capitais decorrente da extinção do tráfico de escravos. 
b) a retomada da tradição manufatureira portuguesa. 
c) a extinção da política de proteção alfandegária. 
d) a concessão de incentivos diretos à exportação de produtos industrializados. 
e) exploração da siderurgia e das fontes de energia hidroelétrica.

RESPOSTA: 
Letra  A.

Questão de História - FUVEST 1981 - Entre as iniciativas de Getúlio Vargas em 1930, destaca-se a criação do:

Entre as iniciativas de Getúlio Vargas em 1930, destaca-se a criação do: 
a) Programa de Integração Social. 
b) Departamento Nacional de Telecomunicações. 
c) Ministério do Trabalho, Indústria e Comércio. 
d) Instituto Nacional de Previdência Social. 
e) Partido Trabalhista Brasileiro.

RESPOSTA: 
Letra C.

segunda-feira, 27 de setembro de 2021

Questão de História - FUVEST 1980 - Uma das condições que contribuíram para a industrialização de São Paulo após 1930 foi:

Uma das condições que contribuíram para a industrialização de São Paulo após 1930 foi: 
a) crescente atuação e importância política desse estado no âmbito federal 
b) repentina valorização da moeda brasileira no mercado internacional 
c) pressão de demanda e solicitação do mercado externo 
d) eliminação e impedimento pelo governo federal de politica protecionista 
e) ampliação do mercado interno nacional e concentração de capitais

RESPOSTA: 
Letra E.

Questão de História - FUVEST 1980 - A intensificação da imigração europeia para o Brasil, no final do século passado, está relacionada

A intensificação da imigração europeia para o Brasil, no final do século passado, está relacionada 
a) à eliminação do caráter agroexportador da economia brasileira. 
b) à expansão da atividade pecuarista no Brasil Central.
c) aos problemas decorrentes da crise do sistema escravista. 
d) à transformação econômica de áreas tradicionais como o nordeste brasileiro. 
e) aos interesses ligados à prática da policultura.

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1980 - No século XVII, contribuíram para a penetração do interior brasileiro:

No século XVII, contribuíram para a penetração do interior brasileiro: 
a) o desenvolvimento da cultura de cana-de-açúcar e o da cultura de algodão 
b) o apresamento de indígenas e a procura de riquezas minerais 
c) a necessidade de defesa e o combate aos franceses 
d) o fim do domínio espanhol e a restauração da monarquia portuguesa 
e) a Guerra dos Emboabas e a transferência da capital da colônia para o Rio de Janeiro

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1980 - Uma das principais consequências do imperialismo colonialista europeu do século XIX:

Uma das principais consequências do imperialismo colonialista europeu do século XIX:
a) dinamização da estrutura industrial nas colônias
b) migração das populações coloniais para a Europa
c) rompimento do equilíbrio europeu conduzindo à 1ª guerra mundial
d) organização da economia colonial segundo critérios estatizantes
e) concentração da atividade colonizadora na exploração de metais preciosos

RESPOSTA: 
Letra C.

Questão de História - FUVEST 1980 - Entre as propostas formuladas no século XVIII por Montesquieu, cm sua obra "O Espírito das Leis",

Entre as propostas formuladas no século XVIII por Montesquieu, cm sua obra "O Espírito das Leis", podemos citar: 
a) separação dos poderes em executivo, legislativo e judiciário 
b) sufrágio universal 
c) parlamentarismo bicameral inteiramente de base eletiva 
d) responsabilidade ministerial ante o Parlamento 
e) regime presidencialista

RESPOSTA: 
Letra A.

Questão de História - FUVEST 1980 - O Concílio de Trento, no conjunto de medidas adotadas pela Igreja Católica no combate à Reforma Protestant

O Concílio de Trento, no conjunto de medidas adotadas pela Igreja Católica no combate à Reforma Protestante, estabeleceu a 
a) supressão da hierarquia eclesiástica. 
b) livre interpretação da Bíblia. 
c) abolição do culto aos santos. 
d) criação do índice de Livros Proibidos. 
e) eliminação do celibato clerical.

RESPOSTA: 
Letra D.

Questão de História - FUVEST 1980 - Na antiguidade, o processo de helenização decorrente da conquista macedônica sob Alexandre

Na antiguidade, o processo de helenização decorrente da conquista macedônica sob Alexandre, o Grande, baseou-se acentuadamente na 
a) redistribuição forçada das populações. 
b) fundação de cidades de cultura grega. 
c) adoção do modelo democrático. 
d) repressão das práticas religiosas. 
e) mobilização económica da população rural.

RESPOSTA: 
Letra B.

Questão de História - FUVEST 1980 - A separação entre Igreja e Estado no Brasil foi instituída pela

A separação entre Igreja e Estado no Brasil foi instituída pela 
a) emenda constitucional de 1969. 
b) constituição do Império. 
c) primeira constituição republicana. 
d) constituição do Estado Novo. 
e) constituição de 1946.

RESPOSTA: 
Letra C.

quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Questão de Geografia - FUVEST 2003 - Podemos afirmar que os fluxos financeiros globais

Podemos afirmar que os fluxos financeiros globais 
a) dinamizam atividades de serviço em Nova Iorque, Paris e Roma, onde se localizam as principais bolsas mundiais, o mesmo não ocorrendo nas principais bolsas do hemisfério sul: São Paulo e Joanesburgo. 
b) necessitam que as principais bolsas do mercado internacional abram e fechem, ao mesmo tempo, evitando que haja interrupção nos fluxos e nas informações financeiras. 
c) são hoje tão significativos, na escala mundial, como nunca foram antes, tendo originado desigualdade social por serem mais intensos nas bolsas do hemisfério norte que nas bolsas do hemisfério sul. 
d) necessitam fluir continuamente, fazendo com que cada uma das principais bolsas operem 24 horas, sem interrupção, garantindo, assim, possibilidades de negócios aos investidores. 
e) fazem das bolsas de valores, operando sempre em sintonia para assegurar a continuidade dos negócios, locais onde são realizadas compras e vendas de ações pelos investidores.

RESPOSTA: 
Letra E.

Na atual fase da globalização, os fluxos financeiros mundiais têm crescido expressivamente, fato que pode ser medido pelo grande volume de dinheiro em circulação. A velocidade e a intensidade nas trocas foram conquistadas principalmente pelos avanços da tecnologia, sobretudo das telecomunicações e na informática. Os recursos são controlados, em parte, pelas bolsas de valores, que os negociam na forma de ações. Atualmente as principais bolsas são verdadeiros centros de complexas redes e termômetros do sistema, e necessitam de contínua interligação para manter a fluidez da circulação do capital e acompanhar a intensidade e o direcionamento dos negócios.

Questão de Geografia - FUVEST 2003 - O continente africano é extremamente diverso. Pesquisadores o dividem em regiões como a do Magreb, localizada

O continente africano é extremamente diverso. Pesquisadores o dividem em regiões como a do Magreb, localizada 
a) ao sul do Saara, formada por países que foram colônias francesas. 
b) no noroeste da África, constituída por países onde predomina a religião islâmica. 
c) no extremo sul, onde se encontram os países mais industrializados da África. 
d) na África Central, onde as fronteiras políticas estabeleceram-se antes que nas demais regiões. 
e) no nordeste da África, foco de conflitos tribais pela definição de fronteiras. 

RESPOSTA: 
Letra B.

No noroeste da África está o Magreb, região caracterizada pela presença da cadeia do Atlas cujas altitudes provocam alterações no clima regional (predominantemente árido e semi-árido, com características mediterrâneas na porção litorânea). Essa região foi ocupada, no século VIII, durante a expansão islâmica quando a cultura muçulmana cunhou a denominação Magreb — termo, portanto, muito anterior aos estudos dos pesquisadores europeus que deram continuidade a essa denominação geográfica. Vale dizer que a região do Magreb ocupa parte (de diferentes extensões) de Argélia, Marrocos e Tunísia, e não todo o território desses países, como o enunciado sugere.

Questão de Geografia - FUVEST 2003 - Os famosos Lençóis Maranhenses apresentam

Os famosos Lençóis Maranhenses apresentam 


a) paisagem litorânea semelhante a um deserto com dunas, embora a pluviosidade da região forme lagoas doces. 
b) estuário em forma de delta, constituindo uma planície aluvial que se prolonga até a costa, onde ocorrem as dunas. 
c) falésias, denominação regional das dunas, decorrentes da ação erosiva marinha. 
d) vales fluviais submersos pelo mar que constituem rias cercadas de dunas. 
e) extensa baía, pela qual o mar penetra, formando cordões litorâneos e dunas.

RESPOSTA: 
Letra A.

A foto apresentada dos Lençóis Maranhenses mostra uma das paisagens litorâneas mais singulares do Brasil. Localizada no Maranhão, essa região é composta por centenas de dunas cujo conjunto acaba por lembrar um enorme “deserto”. No entanto, essa semelhança se limita à aparência, pois uma enorme quantidade de lagos de água doce se intercalam às dunas, resultado da pluviosidade significativa que afeta o local. Devido a estas características únicas, a região foi transformada em parque nacional.

quarta-feira, 22 de setembro de 2021

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - Sobre o modelo de industrialização implementado em países do Sudeste Asiático, como Coréia do Sul

Sobre o modelo de industrialização implementado em países do Sudeste Asiático, como Coréia do Sul e Taiwan e o adotado em países da América Latina, como a Argentina, o Brasil e o México, pode-se afirmar que, 
a) nos países do Sudeste Asiático, a participação de capital estrangeiro impediu o desenvolvimento de tecnologia local, ao passo que, nos países latinoamericanos, ela promoveu esse desenvolvimento. 
b) nos dois casos, não houve participação do Estado na criacão de infra-estrutura necessária à industrializacão. 
c) nos países do Sudeste Asiático, a organização dos trabalhadores, em sindicatos livres, encareceu o produto final, ao passo que, nos países latinoamericanos, a ausência dessa organização tornou os produtos mais competitivos, 
d) nos dois casos, houve importante participação de capital japonês, responsável pelo desenvolvimento tecnológico nessas regiões. 
e) nos países do Sudeste Asiático, a produção industrial visou à exportação, ao passo que, nos países latinoamericanos, a produção objetivou o mercado interno.

RESPOSTA: 
Letra E.

A industrialização verificada nos países do Sudeste Asiático fez-se com base em investimentos, a partir da década de 70, de capitais provenientes do Japão e Estados Unidos, no caso dos Tigres Asiáticos (Cingapura, Coréia do Sul, Taiwan e China, representada por Hong Kong), e predominantemente provenientes do Japão e dos próprios Tigres Asiáticos, em se tratando dos Novos Tigres (Malásia, Indonésia, Filipinas, Camboja e Vietnã), que constituem nações emergentes e “plataformas de exportação”. A industrialização nesses países caracteriza-se pela mão-de-obra numerosa, barata e superexplorada, com produtos bastante diversificados, no caso dos Tigres Asiáticos. Quanto aos países da América Latina, como por exemplo Argentina, Brasil e México, observamos que os investimentos em industrialização ocorreram no período pós-Segunda Guerra Mundial e se refletiram em diversos setores. Além disso, notamos grupos investidores procedentes de variados países ricos, os quais, naquela época, buscavam mão-de-obra numerosa e barata, e até mesmo um mercado consumidor que atendesse ao processo de expansão de suas economias em centros periféricos. Assim, nos países do Sudeste Asiático a produção industrial visou à exportação, ao passo que, nos países latinoamericanos, a produção objetivou o mercado interno.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - Considerando o desenvolvimento econômico da Amazônia, nos últimos trinta anos, assinale a afirmação correta

Considerando o desenvolvimento econômico da Amazônia, nos últimos trinta anos, assinale a afirmação correta
a) A integração da Amazônia à economia nacional baseou-se nas atividades agrícolas e minerais que promoveram o desenvolvimento sustentável da região. 
b) O desenvolvimento das atividades mineradoras esteve relacionado às empresas estrangeiras com alta capacidade de investimentos. 
c) As atividades econômicas desenvolveram-se sem exigência de vultosos investimentos. 
d) A abundância de água não foi aproveitada, como recurso energético, devido às baixas altitudes regionais. 
e) A inexistência de institutos de pesquisa na região comprometeu a exploração de seus recursos minerais. 

RESPOSTA: 
Letra B.

Nos últimos trinta anos, a Amazônia brasileira caracterizou-se pelo declínio do extrativismo vegetal e pela expansão da agropecuária, do extrativismo mineral e da atividade industrial. A participação do Estado por intermédio de órgãos de planejamento, como a SUDAM e a SUFRAMA, foi decisiva para: – atrair investimentos extra-regionais e capitais transnacionais interessados no desenvolvimento de gigantescos projetos minerais – como a produção de ferro em Carajás-PA e de bauxita / alumínio em Oriximiná-PA; – criar um pólo industrial na Zona Franca de Manaus; e – para expandir as frentes pioneiras agrícolas, em função dos projetos de colonização encabeçados por imigrantes e empresas de agropecuária oriundos do Centro-Sul.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - Dentre os vários aspectos que justificam a diversidade biológica da Mata Atlântica, encontram-se:

Dentre os vários aspectos que justificam a diversidade biológica da Mata Atlântica, encontram-se: 
I – Concentração nas baixas latitudes, associada a elevadas precipitações. 
II – Distribuição em áreas de clima tropical e subtropical úmido. 
III – Ocorrência apenas em planícies litorâneas, que recebem umidade vinda dos oceanos. 
IV – Ocorrência em diferentes altitudes. 
Assinale a alternativa que apresenta apenas afirmações corretas. 
a) I e III. 
b) I e IV. 
c) lI e III. 
d) lI e IV. 
e) III e IV. 


RESPOSTA: 
Letra D.

A Mata Atlântica é a floresta tropical úmida, localizada em baixas e médias latitudes, que recobre os mares de morros do Sudeste brasileiro, sendo denominada também Mata Tropical Úmida de Encosta. É heterogênea, fechada, densa, latifoliada, rica em madeiras de lei, e, por causa desse último aspecto, intensamente devastada ao longo do nosso processo histórico. Originalmente esta formação vegetal estendia-se pelo litoral desde o Rio Grande do Norte até o Rio Grande do Sul, portanto abrangia áreas de clima tropical e subtropical.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - As rochas mesozóicas da bacia sedimentar do Paraná ocupam extensas áreas na região Sudeste

As rochas mesozóicas da bacia sedimentar do Paraná ocupam extensas áreas na região Sudeste. Em especial, sobre os ............., a pedogênese deu origem a solos com boa fertilidade natural. Com o avanço da cultura ................, acelerou-se a devastação das florestas primárias. Atualmente, os maiores produtores dessa cultura são os Estados de ............ e ............... . Que alternativa completa, na seqüência correta, as lacunas do texto? 
a) derrames basálticos / cafeeira / Minas Gerais e Espírito Santo. 
b) derrames basálticos / cafeeira / Minas Gerais e Rio de Janeiro. 
c) depósitos eólicos / canavieira / Rio de Janeiro e São Paulo. 
d) depósitos eólicos / canavieira / Minas Gerais e Espírito Santo. 
e) depósitos aluviais / cafeeira / Rio de Janeiro e São Paulo. 

RESPOSTA: 
Letra A.

O atual território brasileiro sofreu, no final da era mesozóica, a ação tectônica com derrames de magma, através de fraturas, que atingiu, principalmente, os atuais Estados do Paraná e São Paulo, formando rochas basálticas. A ação do intemperismo físico e químico sobre essas rochas provocou, em sua decomposição, a formação do solo terra roxa, de grande fertilidade natural, o qual possibilitou a expansão da cafeicultura no estado de São Paulo. Atualmente, os maiores produtores de café são os Estados de Minas Gerais e Espírito Santo

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - A propósito da agricultura brasileira, pode-se afirmar que

A propósito da agricultura brasileira, pode-se afirmar que 
a) a escravidão por dívida consiste numa situação de servidão do trabalhador, característica da parceria. 
b) o Estatuto do Trabalhador Rural dos anos sessenta substituiu a antiga Legislação dos Trabalhadores Rurais. 
c) a empresa agropecuária capitalista caracteriza-se pela presença do trabalhador agregado. 
d) a denominação “bóia-fria” é dada ao trabalhador temporário que vive nos latifúndios. 
e) a unidade familiar de subsistência tanto pode contratar força de trabalho quanto vender trabalho familiar.

RESPOSTA: 
Letra E.

A unidade familiar de subsistência pode eventualmente contratar força de trabalho, por exemplo, na época da colheita, ou então vender o trabalho familiar, quando associada à atividade agroindustrial. Quanto aos outros elementos que participam da produção rural mencionados nas demais alternativas, temos: – o parceiro é um co-produtor que divide a produção com o dono da terra; – o trabalhador agregado remonta às relações de trabalho do período colonial; – o bóia-fria é um trabalhador assalariado, uma mão-de-obra volante que reside em áreas distantes do local de produção e que participa da atividade agrícola comercial. No que se refere ao Estatuto do Trabalhador Rural, que data de 1964, foi o primeiro conjunto de leis a regulamentar o trabalho rural.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - O mapa apresenta a localização de vários sismos de grande magnitude. Analise-o e responda:

O mapa apresenta a localização de vários sismos de grande magnitude. Analise-o e responda: 
a) Por que ocorrem sismos e quais suas consequências? 
b) Justifique a ausência de sismos de grande magnitude no Brasil.

RESPOSTA: 
a) Os abalos sísmicos decorrem da acomodação de placas tectônicas em diversos pontos do planeta, em áreas que são, genericamente, denominadas Círculo do Fogo. Estes estendem-se ao longo dos espaços onde ocorrem os encontros das placas tectônicas. O relevo, pouco consolidado nessas áreas, fica sujeito ao vulcanismo e aos terremotos, em razão de sua instabilidade. Nesses locais, encontram-se também os enrugamentos ou dobramentos modernos. Podemos exemplificar com os terrenos ao longo da cordilheira dos Andes, ou da cadeia do Himalaia. Como consequência dos sismos, podemos destacar os impactos sobre as populações localizadas ao longo das áreas de instabilidade, com a perda de vidas e prejuízos materiais, principalmente onde há grandes aglomerações urbanas. 
b) O território brasileiro assenta-se na porção centro-leste da América do Sul, com terrenos cristalinos muito antigos, bastante consolidados, distantes das zonas de contato entre placas, com abalos sísmicos eventuais e de pequena intensidade.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - Compare a região Nordeste e a Costa Sudoeste dos Estados Unidos quanto a:

Compare a região Nordeste e a Costa Sudoeste dos Estados Unidos quanto a: 
a) tipos de indústria e características da mão-de-obra empregada. 
b) fatores que influenciaram a localização industrial de cada uma dessas regiões

RESPOSTA: 
a) No nordeste dos Estados Unidos o parque industrial – o Manufacturing Belt – é o mais antigo e caracteriza-se pelos setores de baixo valor agregado, como a siderurgia, a metalurgia e a indústria mecânica, com destaque para o setor automobilístico. O parque industrial do nordeste dos Estados Unidos, devido à sua menor modernização, emprega um volume maior de mão-de-obra e vem perdendo, nos últimos anos, uma parte considerável de indústrias, em consequência do processo de descentralização industrial. Na costa sudoeste dos Estados Unidos – na Califórnia –, a indústria se desenvolveu principalmente a partir da Segunda Guerra Mundial. Seu parque industrial é mais moderno, automatizado e robotizado e emprega um contingente menor de trabalhadores, mas com maior qualificação (“cérebros”). Destacamse os setores petroquímico, bélico, eletrônico e de informática. 

b) O nordeste dos Estados Unidos desenvolveu seu parque industrial com base na sua mão-de-obra abundante, capital acumulado pela atividade industrial, amplo mercado consumidor, potencial hidrelétrico, existência de ferro no Lago Superior, carvão nos montes Apalaches e facilidades de circulação nos Grandes Lagos. Na costa sudoeste dos Estados Unidos (Califórnia), a indústria apoiou-se no potencial térmico e hidrelétrico, e na existência de petróleo e silício. Além disso, contou com incentivos governamentais para o desenvolvimento tecnológico, gerando tecnopolos. Outro aspecto importante é o posicionamento estratégico voltado para a bacia do Pacífico, em função do desenrolar da Guerra Fria, com o avanço do socialismo no leste da Ásia (China, Coréia do Norte e URSS) e, ainda, a presença de centros universitários, formadores de “cérebros”. 

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - O turismo de negócios e o ecoturismo estão entre as mais promissoras modalidades econômicas.

O turismo de negócios e o ecoturismo estão entre as mais promissoras modalidades econômicas. Indique e explique duas condições geográficas, no Brasil, necessárias, respectivamente, para o desenvolvimento do turismo de negócios e para o desenvolvimento do ecoturismo. Cite um exemplo que ilustre cada um dos casos.

RESPOSTA: 
O turismo de negócios no Brasil é favorecido pela presença de cidades globais, onde se concentram sedes de empresas e grupos financeiros, e pelo desenvolvimento de infra-estrutura, como rede hoteleira, centros de convenção, sistemas de transporte, comunicação e segurança. É o caso de São Paulo, que se projeta como o principal destino do turismo de negócios no país. O ecoturismo vale-se da grande diversidade e riqueza de paisagens naturais, que incluem florestas, cavernas e áreas alagáveis. O ecoturismo também tem-se beneficiado de nova legislação, que visa a garantir proteção ambiental. Além disso, cresce a participação institucional de empresas que, em áreas de preservação, investem nessa modalidade de turismo. É o caso do Pantanal, que atrai turistas pela enorme diversidade e beleza de sua paisagem, e da Floresta Amazônica, com sua riqueza de fauna e flora, ou ainda dos cânions basálticos do Rio Grande do Sul, como o Itaimbezinho.

Questão de Geografia - FUVEST 2001 - Analise as características das bacias hidrográficas dos rios São Francisco e Amazonas, relacionando-as ao

Analise as características das bacias hidrográficas dos rios São Francisco e Amazonas, relacionando-as ao 
a) processo de povoamento. 
b) desenvolvimento de atividades econômicas do setor primário.

RESPOSTA: 
a) O processo de povoamento dos dois rios apresenta peculiaridades: a bacia Amazônica serviu realmente de eixo de povoamento da Região Norte, já que as condições ambientais da floresta dificultavam a ocupação da hinterlândia. Assim, dá-se, ao longo do rio, um processo sistemático de formação de povoados, como Belém, Óbidos e Santarém, no Pará, e São José do Rio Negro, hoje Manaus, no Amazonas. Já no Rio São Francisco, ocorreu um processo diverso, pois o rio permitiu, principalmente, a ocupação econômica da região. O São Francisco foi um local onde a população e o gado iam buscar a água, preciosa, numa região semi-árida. Esse rio serviu também às funções de transporte, uma vez que é parcialmente navegável. 

b) A bacia Amazônica cumpre até hoje a função de via de transporte, de modo que apresenta, junto ao seu vale, consideráveis aglomerações urbanas. Quanto às atividades econômicas primárias, temos a extração de madeira e cultivo da juta e da malva. Uma importante atividade é constituída pela extração mineral, com a retirada de estanho do Vale do Rio Madeira e bauxita no vale do Rio Trombetas, ambos afluentes do Amazonas. Junto ao vale do Rio São Francisco, outras atividades ganharam vulto: a prática da pecuária, que remonta ao período colonial, favorecida pela disponibilidade de água. Essa mesma disponibilidade permite a prática da agricultura irrigada, que, nos últimos anos, vem-se intensificando. Investimentos têm sido feitos na cultura de exportação de alta produtividade, como é o caso da uva, do melão e de outras frutas comerciais.

terça-feira, 21 de setembro de 2021

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - No Brasil, as concentrações minerais localizadas no Quadrilátero Ferrífero e em Carajás f

No Brasil, as concentrações minerais localizadas no Quadrilátero Ferrífero e em Carajás formaram-se na era geológica 
a) Pré-Cambriana. 
b) Paleozóica 
c) Mesozóica. 
d) Cenozóica. 
e) Quaternária. 

RESPOSTA: 
Letra A.

A existência de minério em Carajás (Pará) e no Quadrilátero Ferrífero (MG) está associada à presença de estrutura geológica proterozóica, ou seja, formação pré-cambriana.

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - “Considere as afirmativas abaixo para responder à questão:

Considere as afirmativas abaixo para responder à questão: 
I - A Amazônia é o pulmão do mundo, tendo em vista a intensa atividade biológica da floresta que recobre a região.
II - A Amazônia concentra grande quantidade de calor, contribuindo para ativar a circulação atmosférica. III - A crescente poluição das águas fluviais da Amazônia, sobretudo nas áreas de garimpo de ouro, contribui para a diminuição da piscosidade dos rios. Sobre a questão ambiental da Amazônia somente: 
a) I está correta. 
b) I e II estão corretas. 
c) II está correta. 
d) III está correta. 
e) II e III estão corretas.

RESPOSTA: 
Letra E.
A Amazônia é área de domínio da Floresta Equatorial, ecossistema maduro que absorve grande parte do oxigênio que produz e não pode, pois, ser considerada o “Pulmão do Mundo”. Como se localiza na região equatorial, é uma área de grande aquecimento e elevada “evapotranspiração”, contribuindo para regular a umidade e para ativar a circulação atmosférica, através da Convergência Intertropical (CIT). A ocupação predatória do espaço amazônico se faz sentir em várias atividades, inclusive o garimpo, que se desenvolve com técnicas primitivas e quase sem controle por parte do poder público. Essa atividade é responsável pela contaminação da rede fluvial pelo mercúrio, o que contribui para inibir a pesca

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - “Menino travesso: El Niño retorna mais poderoso e ameaça enlouquecer o tempo em todo mundo”.

“Menino travesso: El Niño retorna mais poderoso e ameaça enlouquecer o tempo em todo mundo”. 
(Revista Veja 27/08/97 p. 42-43) 

A notícia acima exemplifica a ampla cobertura da mídia sobre esse fenômeno, geralmente relacionado à a) atuação inesperada da massa de ar úmida que, ao resfriar as águas do Oceano Pacífico, eleva os índices de evaporação e intensifica as chuvas de monções no SE asiático. 
b) presença de correntes marítimas com baixas temperaturas na costa ocidental americana, justificando a diminuição dos cardumes no Chile e as estiagens no SE do Brasil e dos EUA. 
c) inversão térmica oceânica que aquece parte das águas superficiais do Pacífico, aumenta o número de tempestades marítimas e desregula os índices de chuva na região tropical. 
d) temporada de furacões e episódios de secas nas costas ocidentais americanas, devido ao aumento da força dos ventos tropicais que sopram da Ásia em direção à América do Sul. 
e) formação de ondas que trazem à tona as águas mais frias do fundo do Oceano Pacífico, intensificando os índices de aridez no Peru e Sul do Brasil e as inundações na Ásia tropical. 

RESPOSTA: 
Letra C.

O termo El Niño era empregado antigamente para identificar uma corrente marinha que banhava a costa da Colômbia e do Peru nas vésperas do inverno. Emprega-se hoje o termo para identificar um fenômeno de aquecimento global que envolve a movimentação das massas de ar (alísios e contra-alísios) e o aumento da temperatura das águas do Pacífico, que provocam o aumento das tempestades tropicais e alteram os índices de chuva em várias regiões do mundo (caso do Brasil, onde há excesso de chuvas no sul e falta no Nordeste).

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - A divisão do território brasileiro em 3 grandes complexos regionais – Amazônia, Nordeste e Centro-Sul

A divisão do território brasileiro em 3 grandes complexos regionais – Amazônia, Nordeste e Centro-Sul – tem a vantagem de caracterizar 
a) a Amazônia, com seus recursos explorados a partir de um planejamento global do Estado. 
b) o Nordeste, como um polo de atração demográfica, em decorrência do turismo. 
c) o Centro-Sul, como região socioeconômica de poucos contrastes internos. 
d) a homogeneidade econômica no interior de cada complexo, do ponto de vista agropecuário. 
e) a espacialidade do processo socioeconômico, considerando a gênese histórica de cada complexo.

RESPOSTA: 
Letra E.

O processo histórico de ocupação do território brasileiro ocorreu com o desenvolvimento e a diversificação da ocupação econômica e social, e processou-se de forma desigual em cada área do país, produzindo complexos regionais marcados internamente por características peculiares, mas que são heterogêneas e complementares no contexto nacional. Assim, a divisão contemplada na questão mostra: 
• a Amazônia como fornecedora de matérias-primas vegetais e minerais; 
• o Nordeste como área tradicional e conservadora das suas estruturas agrárias históricas, e com grande crescimento populacional, suprindo as demais regiões de mão-de-obra, e 
• o Centro-Sul, com uma economia mais dinâmica, que promoveu industrialização, grande geração de empregos, concentração de população e capitais que, por isso mesmo, acaba gerenciando o desenvolvimento dos demais complexos regionais.

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - A rede hidrográfica brasileira, utilizada para os transportes fluviais,

A rede hidrográfica brasileira, utilizada para os transportes fluviais, 
a) é bem distribuída e apresenta um alto potencial de navegação no sudeste, especialmente na sua porção centro-oriental. 
b) é distribuída desigualmente pelo país, estando o maior potencial navegável localizado perifericamente às áreas de economia mais avançada. 
c) apresenta um potencial de navegação que coincide com as áreas de maior exploração de hidroeletricidade. 
d) apresenta suas principais bacias voltadas para o Atlântico Sul nas costas orientais brasileiras, facilitando os transportes com o interior. 
e) é rica em interligações por canais fluviais que facilitam os transportes entre as bacias do rio São Francisco e do Paraná.

RESPOSTA: 
Letra B.

A principal bacia hidrográfica navegável do Brasil, a Bacia Amazônica, encontra-se na Região Norte do Brasil, que reconhecidamente apresenta uma economia primária. O mesmo se dá com o Rio Paraguai, no Pantanal Mato-Grossense, um rio navegável, mas distante dos centros industriais. Na Região Sudeste, os rios da Bacia do Paraná são encachoeirados, obrigando à construção de canais e eclusas. Os investimentos em transportes fluviais são, entretanto, baixos, tendo em vista a pressão da indústria automobilística, que faz que essa forma de transporte seja relegada a segundo plano.

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - Quanto às formas de relevo, as Américas do Norte e do Sul

Quanto às formas de relevo, as Américas do Norte e do Sul apresentam, em comum, a predominância de: a) cadeias montanhosas do terciário a oeste e planícies sedimentares a leste. 
b) grandes planícies sedimentares na porção central e dobramentos recentes na porção oriental. 
c) cadeias montanhosas do terciário a oeste e planaltos antigos a leste. 
d) grandes planícies sedimentares na porção central e planaltos erodidos na porção ocidental. 
e) escudos cristalinos a oeste e planaltos antigos a leste.

RESPOSTA: 
Letra C.
Tanto a América do Norte quanto a América do Sul apresentam relevo montanhoso (cenozóico) recente na fachada do Pacífico, enquanto na porção leste do continente estão os planaltos antigos, desgastados e aplainados por intenso processo erosivo.

Questão de Geografia - FUVEST 1998 - A Itália é um dos países mais industrializados da União Europeia.

A Itália é um dos países mais industrializados da União Europeia. Em seu território, a região que concentra maior atividade fabril é 
a) o Vale do Ádige, próximo a Verona e Veneza. 
b) o Vale do Tibre, na região de Roma. 
c) a Sicília, em Messina e Catânia. 
d) o Vale do Pó, principalmente entre Turim e Milão. 
e) a Campânia, em torno de Nápoles e Salerno.

RESPOSTA: 
Letra D.

A Itália do Norte, Vale do Rio Pó, constitui a porção mais industrializada do país. Destacam-se grandes centros fabris, tais como Turim, Milão, Gênova e Bérgamo, favorecidos pela energia que vem dos Alpes, por solo fértil, por agricultura mecanizada e por grande concentração urbana e demográfica. Essas condições contrastam com as da porção Sul, o Mezzogiorno, mais tradicional e agrário, que constitui uma área de evasão populacional.

domingo, 19 de setembro de 2021

"Nobel de Geografia": Prêmio Vautrin-Lud (2021) para a geógrafa cingapuriana Brenda Yeoh

É oficial, Brenda Yeoh é a vencedora do Vautrin Lud 2021

No próximo FIG (Festival Internacional de Geografia), de 1 a 3 de outubro de 2021, o prêmio Vautrin-Lud será entregue a Brenda Yeoh. O Prêmio Vautrin Lud é o mais alto prêmio no campo da Geografia. Geralmente, é conhecido como o "Prêmio Nobel de Geografia". Brenda Yeoh é primeira cingapuriana  laureada.
Prêmio Vautrin-Lud (2021) para a geógrafa cingapuriana Brenda Yeoh.

Nascida em 25 de dezembro de 1963, Brenda S. A. Yeoh, se formou em Geografia na Universidade de Cambridge , na Inglaterra, e fez um doutorado na Universidade de Oxford , na Inglaterra. É professora de Geografia da NUS - National University of Singapore (Universidade Nacional de Singapura ), onde ingressou em 1987. Brenda Yeoh é autora de mais de 35 livros e 230 artigos em revistas científicas.

Seus interesses de pesquisa incluem a política do espaço em cidades coloniais e pós-coloniais e uma ampla gama de pesquisas sobre migração na Ásia, incluindo temas-chave como cosmopolitismo e migração de talentos altamente qualificados; gênero, reprodução social e migração de cuidado; questões de migração, identidade nacional e cidadania; universidades globalizantes e mobilidades de estudantes internacionais; e política cultural, dinâmica familiar e migrantes matrimoniais internacionais.

*Por Gabriel, Egidio do Carmo,  do Blog de Geografia (Suburbano Digital). Com informações do site oficial do Prix Vautrin-Lud - Festival International de Géographie.

sexta-feira, 17 de setembro de 2021

Questão de História - EsFCEx 2021 - […] a capacidade para importar não se recuperou nos anos trinta.

. […] a capacidade para importar não se recuperou nos anos trinta. Em 1937 ela ainda estava substancialmente abaixo do que havia sido em 1929. Em realidade, o quantum das importações daquele ano - bem superiores ao de qualquer outro ano do decênio – esteve 23 por cento abaixo do de 1929. A renda criada pelas exportações havia decrescido em termos reais. O quantum das exportações aumentara, mas, como o poder aquisitivo da unidade de exportação com respeito à unidade de importação se havia reduzido à metade, é evidente que a renda criada pelas exportações era muito inferior. O valor da produção agrícola a preços correntes havia subido de 7,5 para 7,8 bilhões de cruzeiros, não obstante a produção para exportação haver baixado de 5,5 para 4,5 bilhões. A participação das exportações como elemento formador da renda do agricultor havia decrescido, portanto, de 70 para 57 por cento. (Celso Furtado, Formação econômica do Brasil) 

A partir do contexto apresentado no excerto, é correto afirmar que o Brasil 
(A) recuperou-se lentamente dos efeitos da recessão econômica dos anos 1930 porque o Estado brasileiro manteve uma política de sustentação do preço do café. 
(B) teve uma difícil recuperação econômica, o que apenas ocorreu nos anos 1940, em razão das inversões de capitais públicos estadunidenses voltados para a agricultura de exportação. 
(C) experimentou um desenvolvimento econômico forte desde os anos 1920, baseado em exportação de café e algodão, e foi pouco afetado pelos anos de depressão econômica. 
(D) sentiu pouco as decorrências da Crise de 1929 porque a indústria ganhou importante impulso, nos anos 1920, com investimentos estatais voltados para a indústria de base. 
(E) conseguiu se recuperar dos efeitos da Crise de 1929 ainda na década de 1930, principalmente em função do crescimento industrial e da produção para o mercado interno.

RESPOSTA:
Letra E.

Questão de História - EsFCEx 2021 - Em 1983, lideranças políticas buscaram a aprovação de uma emenda constitucional que reestabelecesse o voto popular

Em 1983, lideranças políticas buscaram a aprovação de uma emenda constitucional que reestabelecesse o voto popular nas eleições para a presidência da República. A emenda estava formalizada no Congresso Nacional desde março daquele ano. Foi iniciativa de um deputado quase desconhecido – Dante de Oliveira, do PMDB de Mato Grosso. Tinha quinze linhas e alta probabilidade de ser arquivada, mas foi pinçada pela Executiva Nacional do PMDB. A Emenda Dante de Oliveira, como ficou conhecida, levou à formação de uma frente suprapartidária. 
(Lilia Moritz Schwartz e Heloísa Murgel Starling, Brasil: uma biografia. Texto adaptado) 
Em abril de 1984, a Emenda Dante de Oliveira foi 
(A) aprovada conjuntamente com uma reforma política, mas a primeira eleição direta para a presidência ocorreu em 1988, coincidindo com as escolhas dos deputados constituintes. 
(B) aprovada, mas as eleições diretas valeriam apenas para o sucessor do chefe do Executivo eleito em 1985, o que de fato ocorreu com as eleições de 1989. 
(C) rejeitada, daí parcelas das oposições apoiaram um candidato de oposição no Colégio Eleitoral, que conseguiu, em janeiro de 1985, eleger-se. 
(D) rejeitada com apoio da oposição moderada ao governo federal, havendo a apresentação de uma nova emenda constitucional propondo a realização de eleições gerais em 1986. 
(E) aprovada, mas com a existência de regras eleitorais rígidas, não houve a possibilidade de todos os partidos lançarem candidatos para o pleito ocorrido em 1985.

RESPOSTA:
Letra C.

Questão de História - EsFCEx 2021 - Nas eleições para a regência única, realizadas em abril de 1835, o Padre Feijó

Nas eleições para a regência única, realizadas em abril de 1835, o Padre Feijó derrotou seu principal competidor, Holanda Cavalcanti, proprietário rural de Pernambuco. O corpo eleitoral era extremamente reduzido, somando cerca de 6 mil eleitores. Feijó recebeu 2.826 votos, e Cavalcanti, 2.251. Pouco mais de dois anos depois, em setembro de 1837, Feijó renunciou. Ele sofrera pressões do Congresso, sendo acusado de não empregar suficiente energia na repressão aos farrapos, entre cujos chefes estava um de seus primos. Nas eleições que se seguiram, triunfou Pedro Araújo Lima, futuro Marquês de Olinda, antigo presidente da Câmara e senhor de engenho em Pernambuco. A vitória de Araújo Lima simbolizou o início do “regresso”. (Boris Fausto, História do Brasil) 
O “regresso” representava uma corrente política 
(A) reformista, que defendia a estabilização política do Império com a aproximação entre liberais e conservadores. 
(B) liberal, que lutava pelo estabelecimento da autonomia política das províncias e dos municípios. 
(C) conservadora, que tinha o objetivo de fazer voltar a centralização política e o reforço da autoridade. 
(D) progressista, que propunha a preservação e a amplificação das medidas liberais do Ato Adicional. 
(E) ultraconservadora, que advogava a imediata volta de Dom Pedro I ao poder.

RESPOSTA:
Letra C.

Questão de História - EsFCEx 2021 - As constantes reclamações, não só aquelas publicadas em periódicos da Corte,

As constantes reclamações, não só aquelas publicadas em periódicos da Corte, mas também as diversas cartas e petições enviadas para a Secretaria de Polícia da Província, informavam que os habitantes destes mocambos praticavam frequentes roubos na região, principalmente pirateando barcos, carregados de produtos, que navegavam os rios. Segundo as denúncias, os quilombolas usavam canoas – que mantinham escondidas nos manguezais dos inúmeros riachos afluentes do Iguaçu e Sarapuí — em seus assaltos e, “para evitarem os insultos dos salteadores – [quilombolas], alguns mestres daquelas lanchas têm pactuado com eles, pagando-lhes tributo de carne, farinha, etc.”. As dificuldades alegadas pelas autoridades para destruir os mocambos eram, entre outras, sua localização em regiões pantanosas de difícil acesso e a “conivência” com os quilombolas de comerciantes, taberneiros, cativos das plantações vizinhas, escravos remadores e lavradores. 
(Flávio dos Santos Gomes, Quilombos do Rio de Janeiro no século XIX. In: Flávio dos Santos Gomes e João José Reis (orgs.), Liberdade por um fio: história dos quilombos no Brasil) 

A partir do excerto, é correto afirmar que, em geral, as comunidades de escravos fugidos 
(A) organizaram espaços de exploração econômica, com a produção de alimentos e de algodão, matéria- -prima básica para a manufatura de vestimentas rústicas direcionadas à parcela mais pobre da população, e estiveram articulados com proprietários rurais que se opunham à ordem política do Império. 
(B) tiveram, como um fator central de sobrevivência e autonomia, a sua localização geográfica, com o intuito de proteger-se contra as expedições repressoras e de permanecer em contato com áreas de cultivo, dos pequenos centros de comércio e entrepostos mercantis circunvizinhos. 
(C) alargaram a sua influência social por meio de uma série de estratégias voltadas a estabelecer alianças com pequenos e médios proprietários rurais, que eram auxiliados pelos quilombolas na sabotagem econômica dos grandes proprietários de terras com a organização de fugas de escravos. 
(D) desenvolveram uma forma de organização política que prescindia da presença de lideranças, cabendo ao coletivo formador do espaço de rebelião o papel de gestor da defesa e do abastecimento de alimentos e armas, que eram obtidos, essencialmente, por meio de saques em espaços urbanos. 
(E) apresentaram a tendência a um considerável isolamento, condição essencial para a sua preservação, e construíram, dessa forma, espaços autossuficientes na produção de alimentos e outros produtos básicos, como armas feitas com ferro e outros minerais já conhecidos pelos africanos.

RESPOSTA:
Letra B.

Inscreva-se e conheça nosso Canal: