sexta-feira, 30 de março de 2018

Prova de História com gabarito - Vestibular 2005 - UFMG - 1ª Etapa

Questão 01 - UFMG 2005 - Leia este trecho, em que se faz referência à construção do mundo moderno: ... os modernos são os primeiros a demonstrar que o conhecimento verdadeiro só pode nascer do trabalho interior realizado pela razão, graças a seu próprio esforço, sem aceitar dogmas religiosos, preconceitos sociais, censuras políticas e os dados imediatos fornecidos pelos sentidos. 
CHAUÍ, Marilena. Primeira filosofia. 4. ed. São Paulo: Brasiliense, 1985. p. 80. 
A partir da leitura desse trecho, é CORRETO afirmar que a formação do mundo moderno se caracteriza por 
A) nova postura com relação ao conhecimento, a qual transforma o modo de entendimento do mundo e do próprio homem. 
B) ruptura com as concepções antropocêntricas, a qual modifica as relações hierárquicas senhoriais. 
C) ruptura com o mundo antigo, a qual caracteriza um distanciamento do homem face aos diversos movimentos religiosos. 
D) adaptações do pensamento contemplativo, as quais reafirmam a primazia do conhecimento da natureza em relação ao homem.

Questão 02 - UFMG 2005 - Analise este quadro:
FONTE: BETHENCOURT, Francisco; CHAUDUHURI, Kirti. História da expansão portuguesa. 
Lisboa: Círculo de Leitores, 1998. p. 316. 
A partir dessas informações sobre a evolução do número de engenhos açucareiros no Brasil, entre 1570 e 1629, é CORRETO afirmar que 
A) a expulsão dos holandeses da Bahia provocou a retração da produção açucareira nessa Capitania. B) a invasão holandesa no Nordeste açucareiro destruiu a base produtiva instalada pelos portugueses na região. 
C) a substituição do trabalho escravo indígena pelo africano não alterou a produção de açúcar na região de São Paulo. 
D) a expansão da área açucareira em Pernambuco ocorreu, de forma significativa, durante o período da União Ibérica.

Questão 03 - UFMG 2005 - Em 2004, a Escola de Samba Mangueira, em sintonia com as políticas de recuperação do eixo turístico mineiro, escolheu como enredo a Estrada Real. É CORRETO afirmar que essa Estrada era um conjunto de caminhos que ligava Minas Gerais 
A) às Capitanias de São Paulo e Rio de Janeiro e, por eles, chegavam as mercadorias destinadas ao consumo da população e escoavam os impostos cobrados sobre a produção aurífera. 
B) às Capitanias do sul do Brasil, de onde chegava a carne seca, base da alimentação dos escravos, e, por eles, circulavam os tropeiros, responsáveis por todo o comércio interno, com suas tropas de muares. 
C) ao Rio de Janeiro, São Paulo e Espírito Santo e, por eles, as safras de café produzidas nesses estados escoavam até o porto de Santos, para serem exportadas. 
D) à Bahia e, por eles, também conhecidos como Caminho Velho, desciam as tropas de gado e os escravos que abasteciam as populações ocupadas na exploração aurífera e diamantífera.

Questão 04 - UFMG 2005 - Leia este trecho: De acordo com um documento de 1781, era a Capitania de Minas Gerais povoada “de mineiros, negociantes e oficiais de diferentes ofícios”. Os mineiros eram os que davam maior lucro à Coroa, em razão dos quintos, mas eram os “mais pensionados, pelas grandes despesas que fazem em escravos, ferro, aço, pólvora e madeiras, tudo indispensável para a laboração de suas feitorias”. Os roceiros e fazendeiros ocupavam-se das suas culturas e da criação de gado, pagando dízimo de sua produção. Os negociantes, por sua vez, eram “utilíssimos”, deles redundando a “S. Majestade a utilidade do contrato das entradas”. Finalmente, “os mais povos das minas se ocupa cada um no exercício que têm, e dão a Sua Majestade a utilidade conforme o uso de seu viver, ainda que haja muitos vadios, e pela sua vadiação, chegam a ser facinorosos e homicidas, o que não aconteceria se houvesse modo de os reprimir e conservar debaixo de uma rigorosa sujeição, porém, como nas minas têm os seus habitantes a liberdade de darem de comer a todos aqueles, que às horas o procuram, dão assim causa a muitas desordens”. 
Descrição Geographica, topographica, histórica e política da Capitania de Minas Geraes. 
Revista do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. 71 (1908). p. 190. (Adaptado)
 A partir das informações contidas nesse trecho de documento, é CORRETO afirmar que 
A) os roceiros e fazendeiros, ocupados com suas terras de plantar e de criar, eram isentos do pagamento de impostos, o que lhes possibilitava um lucro maior que o dos mineradores. 
B) os segmentos da sociedade mineira dedicados a outros negócios e ofícios, além dos de minerar, plantar e criar, não geravam riquezas para Portugal, porque não pagavam os direitos de entrada na Capitania. 
C) os vadios, que tendiam, em razão do seu ócio, a se tornar malfeitores, eram perseguidos pela população e duramente reprimidos pelas autoridades, que temiam a generalização das desordens nos núcleos urbanos. 
D) os mineradores, responsáveis por grandes investimentos na atividade de extração do ouro, eram aqueles que, por meio do pagamento do quinto, mais contribuíam para o enriquecimento do Real Erário.

Questão 05 - UFMG 2005 - Leia este trecho: ... não somos índios nem europeus, mas uma espécie intermediária entre os legítimos proprietários do continente e os usurpadores espanhóis: em suma, sendo americanos por nascimento e nossos direitos os da Europa, temos de disputar estes aos do país e mantermo-nos nele contra a invasão dos invasores – encontramo-nos, assim, na situação mais extraordinária e complicada. 
BOLÍVAR, Simón. Carta de Jamaica, 1815. 
Ao escrever esse texto, o autor refere-se à situação ambígua dos 
A) criollos, formados na tradição européia, mas identificados com o Novo Continente. 
B) escravos negros americanos, que perderam seus laços culturais com a África. 
C) mulatos libertos nascidos na América, divididos entre diferentes tradições culturais. 
D) cholos, indígenas educados por europeus, afastados das suas raízes identitárias originais.

Questão 06 - UFMG 2005 - Leia este trecho de documento: Odeio-a porque impede a nossa República de influenciar o mundo pelo exemplo da liberdade; oferece possibilidade aos inimigos das instituições livres de taxar-nos, com razão, de hipocrisia e faz com que os verdadeiros amigos da liberdade nos olhem com desconfiança. Mas, sobretudo, porque obriga tantos entre nós, realmente bons, a uma guerra aberta contra os princípios da liberdade civil. 
Discurso de Abraham Lincoln, em 1859. 
Nesse trecho de discurso, Abraham Lincoln, que seria eleito Presidente dos Estados Unidos no ano seguinte, faz referência 
A) à política de segregação racial existente nos estados do sul dos Estados Unidos, que gerou a formação de organismos voltados ao extermínio dos negros, à destruição de suas propriedades e a atentados constantes contra suas comunidades. 
B) à posição dos estados do sul de defesa intransigente de tarifas protecionistas, o que levava os Estados Unidos a comprometer a crença na liberdade de mercado, numa conjuntura de predomínio do capitalismo liberal. 
C) à questão da escravidão, que levou a uma guerra civil, nos Estados Unidos, entre o Norte, industrializado, e o Sul, que lutava para preservar a mão-de-obra escrava nas suas plantações de produtos para a exportação. 
D) à defesa, pelos imigrantes, do extermínio dos índios nas terras conquistadas a oeste, especialmente após a edição do Homestead Act, visando ao desenvolvimento da agricultura e da pecuária naquelas áreas.

Questão 07 - UFMG 2005 - A partir do século XVIII e ao longo do XIX, o mundo foi percorrido, de fora a fora, por pesquisadores, oriundos sobretudo do Continente Europeu, que procuravam mapear e conhecer os mais diferentes aspectos da natureza e costumes do mundo extra-europeu. Considerando-se essas iniciativas, é CORRETO afirmar que 
A) expressaram simultaneamente o desejo europeu de conhecer, típico do Iluminismo então vigente, e alguns interesses do sistema capitalista, em acelerado processo de expansão. 
B) foram financiadas por grandes corporações financeiras desejosas de implantar indústrias em novas regiões e conquistar novos mercados consumidores. 
C) lançaram os fundamentos de uma nova ordem mundial, que acabaria resultando em um entendimento mais harmônico entre os diferentes grupos étnicos e povos. 
D) contaram com grande receptividade, principalmente na África, continente povoado por etnias interessadas em se tornar conhecidas e em ser incorporadas ao mundo ocidental.

Questão 08 - UFMG 2005 - Ao longo do século XIX, ocorreram, no mundo, diversas pesquisas, inovações e publicações que contribuíram para o desenvolvimento da técnica e da ciência. É CORRETO afirmar que, entre elas, se incluem 
A) a descoberta de novos elementos químicos, as pesquisas de Pasteur na microbiologia e a publicação da Origem das espécies, de Darwin. 
B) a invenção do telescópio, o desenvolvimento do descaroçador de algodão e a publicação da De humani corporis fabrica, de Andrea Vesálio. 
C) a invenção do microscópio, a construção de containers para transporte a longa distância e a publicação da Nova Atlântida, de Bacon. 
D) a descoberta da circulação sangüínea, a utilização do carvão mineral como combustível e a publicação da Ótica, de Newton.

Questão 09 - UFMG 2005 - Leia este trecho: Durante o governo do General Eurico Gaspar Dutra, foi criada, em 1948, “uma Comissão Técnica Mista com o objetivo de promover o desenvolvimento econômico brasileiro atrelado aos capitais e interesses norte-americanos. Essa comissão, chefiada pelo economista brasileiro Otávio Gouveia de Bulhões e pelo norte-americano John Abbink, produziu em 1949 um documento conhecido como relatório Abbink. Segundo os princípios do liberalismo, o relatório dizia que o crescimento econômico nacional deveria se dar pela dinamização da iniciativa privada, pela contenção da especulação imobiliária nos principais centros urbanos e, sobretudo, pela expansão e modernização dos meios de transporte e da produção de energia”. 
BERTOLLI FILHO, Cláudio. De Getúlio a Juscelino. 1945-1961. São Paulo: Ática, 2000. p. 16. 
Algumas propostas apresentadas por essa Comissão Técnica Mista tiveram desdobramentos que se efetivaram ainda durante o Governo Dutra. Entre esses desdobramentos, inclui-se a 
A) expansão da malha rodoviária e a abertura do Brasil a empresas multinacionais norte-americanas produtoras de automóveis, caminhões e tratores. 
B) nacionalização de todas as companhias estrangeiras de energia elétrica que atuavam no País, visando a diminuir o custo de operação das empresas nacionais. 
C) privatização das empresas estatais, alocadas, a partir de então, nas mãos da iniciativa privada, com base numa política de subsídios fiscais. 
D) adoção de um plano econômico governamental de investimentos, que priorizava as áreas de saúde, alimentação, transporte e energia.

Questão 10 - UFMG 2005 - Considerando-se o contexto brasileiro da década de 1950, é CORRETO afirmar que 
A) era premente a questão do desenvolvimento nacional, que fez girar em torno dela os principais impasses e polêmicas e contribuiu para o trágico desfecho do Governo Vargas. 
B) foram grandes as divergências entre o Governo e o Exército quanto à criação da Petrobras, o que acabou levando Vargas a nova tentativa de golpe em meados dos anos 1950. 
C) foram muitos os conflitos entre os trabalhadores e os governos que, à exceção do de Vargas, trataram sempre a questão social com dura repressão. 
D) era forte a oposição articulada pelo PSD a Vargas, que, embora eleito com expressiva maioria de votos, nunca conseguiu se adaptar ao jogo democrático.

Questão 11 - UFMG 2005 - Observe este cartaz, que, em 1963, foi estampado por todo o Brasil:
Esse cartaz fez parte de uma campanha 
A) contra a alteração da Carta Constitucional brasileira pretendida por Jânio Quadros, visando a concretizar sua política externa independente, que propunha a aproximação do Brasil com os países socialistas. 
B) contrária à adoção do Parlamentarismo defendido por João Goulart, Vice-Presidente de Jânio Quadros, regime que desagradava os setores conservadores da política e da sociedade brasileiras. 
C) favorável à volta do Presidencialismo, previsto na Constituição, o que colocaria um ponto final no mecanismo utilizado para viabilizar a posse de João Goulart, após a renúncia de Jânio Quadros. 
D) a favor das mudanças constitucionais que possibilitariam a reeleição de João Goulart e a eleição de Leonel Brizola, bem como a concretização de uma república sindicalista no Brasil a partir da aprovação das reformas de base.

Questão 12 - UFMG 2005 - Entre 1961 e 1973, um total de 57.939 norte-americanos morreram no conflito da Indochina, a mais longa e custosa guerra externa na história dos Estados Unidos. A Força Aérea dos EUA jogou sobre o Vietnã uma tonelagem de bombas mais de três vezes superior ao que foi jogado na Alemanha durante a Segunda Guerra. 
KEYLOR, William R. The twentieth-century world; an international history. 
New York: Oxford University Press, 1996. p. 375. 
Considerando-se a Guerra do Vietnã, é CORRETO afirmar que 
A) o conflito foi motivado pela intenção do Governo norte-americano de impedir a expansão do Comunismo no Sudeste asiático. 
B) os norte-americanos deram apoio decidido às ações de seu Governo no Vietnã e manifestaram insatisfação quando suas tropas foram retiradas de lá. 
C) os vietnamitas que enfrentavam o exército dos EUA lutavam em condições difíceis, pois não dispunham de apoio externo. 
D) a saída das tropas norte-americanas e a subseqüente derrota das forças locais pró-Ocidente levou à divisão do Vietnã.

Questão 13 - UFMG 2005 - Considerando-se a atuação dos partidos políticos no Brasil entre 1964 e 1984, é INCORRETO afirmar que 
A) o Movimento Democrático Brasileiro (MDB) foi uma frente de oposição desde sua criação, nos anos 1960, até os anos mais duros do Regime Militar, o que lhe rendeu perseguições e rígido controle. 
B) o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) foi criado, no fim dos anos 1970, como opção para setores médios ansiosos pelo alinhamento à nova ordem mundial, capitaneada pelo FMI e pelo neoliberalismo. 
C) o Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) criado no início dos anos 1980 teve sua legenda disputada por diferentes seguidores de Vargas, mas, na prática, revelou-se distante do trabalhismo histórico. 
D) a Aliança Renovadora Nacional (ARENA), criada nos anos 1960, foi um dos principais esteios do Regime Militar, sustentando até atos que atentavam contra a liberdade do próprio Parlamento.

Questão 14 - UFMG 2005 - Leia este trecho: 
Sei que estás em festa, pá 
Fico contente 
E enquanto estou ausente 
Guarda um cravo para mim 
Chico Buarque, Tanto mar (1a versão) 
Nesse trecho de canção, o autor refere-se ao movimento que 
A) derrubou a ditadura portuguesa estabelecida por Salazar. 
B) mobilizou a população brasileira a favor das “diretas já”. 
C) redemocratizou o Paraguai ao derrubar o General Stroessner. 
D) derrotou o governo fascista de Franco na Espanha.

Questão 15 - UFMG 2005 - Na última década, movimentos indígenas têm-se fortalecido em vários países da América Latina – entre os quais, Bolívia, Equador, Guatemala e México. Nos últimos meses de 2003, milhares de indígenas bloquearam estradas e saíram às ruas de cidades bolivianas em gigantescas manifestações. 
Considerando-se o movimento que, então, sacudiu a Bolívia, é INCORRETO afirmar que ele 
A) desencadeou uma mobilização nacional que levou à retirada das tropas norte-americanas, instaladas no País com o objetivo de combater a ação de traficantes e terroristas. 
B) foi estimulado pela crescente insatisfação das populações indígenas com os altos níveis de desemprego, pobreza, concentração da terra e da renda, agravados pela globalização econômica. 
C) provocou a queda do Presidente da República, contestado, entre outros motivos, por negociar a exportação de gás natural através do Chile, país para o qual a Bolívia perdera sua saída marítima. 
D) defendeu os direitos e as tradições culturais das diversas etnias, inclusive a manutenção das plantações de coca, cultivo tradicional das populações indígenas.

GABARITO
01 - A
02 - D
03 - A
04 - D
05 - A
06 - C
07 - A
08 - A
09 - D
10 - A
11 - C
12 - A
13 - B
14 - A
15 - A

Nenhum comentário: