PESQUISAR ESTE BLOG

sexta-feira, 16 de março de 2018

Enem 2014 - Questões relacionadas à Sociologia - com Gabarito

Enem 2014 - Questão 04 - Existe uma cultura política que domina o sistema e é fundamental para entender o conservadorismo brasileiro. Há um argumento, partilhado pela direita e pela esquerda, de que a sociedade brasileira é conservadora. Isso legitimou o conservadorismo do sistema político: existiriam limites para transformar o país, porque a sociedade é conservadora, não aceita mudanças bruscas. Isso justifica o caráter vagaroso da redemocratização e da redistribuição da renda. Mas não é assim. A sociedade é muito mais avançada que o sistema político. Ele se mantém porque consegue convencer a sociedade de que é a expressão dela, de seu conservadorismo. 
NOBRE, M. Dois ismos que não rimam. Disponível em: www.unicamp.br. Acesso em: 28 mar. 2014 (adaptado). 

A característica do sistema político brasileiro, ressaltada no texto, obtém sua legitimidade da 
a) dispersão regional do poder econômico, 
b) polarização acentuada da disputa partidária. 
c) orientação radical dos movimentos populares. 
d) condução eficiente das ações administrativas. 
e) sustentação ideológica das desigualdades existentes.

Enem 2014 - Questão 08 - Uma norma só deve pretender validez quando todos os que possam ser concernidos por ela cheguem (ou possam chegar), enquanto participantes de um discurso prático, a um acordo quanto à validade dessa norma. HABERMAS. J. Consciência moral e agir comunicativo. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1989. Segundo Habermas, a validez de uma norma deve ser estabelecida pelo(a) 
a) liberdade humana, que consagra a vontade. 
b) razão comunicativa, que requer um consenso. 
c) conhecimento filosófico, que expressa a verdade. 
d) técnica científica, que aumenta o poder do homem. 
e) poder político, que se concentra no sistema partidário. 

Enem 2014 - Questão 21
TEXTO I 
Olhamos o homem alheio às atividades públicas não como alguém que cuida apenas de seus próprios interesses, mas como um inútil; nós, cidadãos atenienses, decidimos as questões públicas por nós mesmos na crença de que não é o debate que é empecilho à ação, e sim o fato de não se estar esclarecido pelo debate antes de chegar a hora da ação. 
TUCÍDIDES. História da Guerra do Peloponeso. Brasília: UnB, 1987 (adaptado). 

TEXTO II 
Um cidadão integral pode ser definido por nada mais nada menos que pelo direito de administrar justiça e exercer funções públicas; algumas destas, todavia, são limitadas quanto ao tempo de exercício, de tal modo que não podem de forma alguma ser exercidas duas vezes pela mesma pessoa, ou somente podem sê-lo depois de certos intervalos de tempo prefixados. 
ARISTÓTELES. Política. Brasílía: UnB, 1985. 

Comparando os textos I e II, tanto para Tucídides (no século V a.C.) quanto para Aristóteles (no século IV a.C.), a cidadania era definida pelo(a) 
a) prestígio social. 
b) acúmulo de riqueza. 
c) participação política. 
d) local de nascimento. 
e) grupo de parentesco.

Enem 2014 - Questão 43 - O cidadão norte-americano desperta num leito construído segundo padrão originário do Oriente Próximo, mas modificado na Europa Setentrional antes de ser transmitido à América. Sai debaixo de cobertas feitas de algodão cuja planta se tornou doméstica na Índia. No restaurante, toda uma série de elementos tomada de empréstimo o espera. O prato é feito de uma espécie de cerâmica inventada na China. A faca é de aço, liga feita pela primeira vez na Índia do Sul; o garfo é inventado na Itália medieval; a colher vem de um original romano. Lê notícias do dia impressas em caracteres inventados pelos antigos semitas, em material inventado na China e por um processo inventado na Alemanha. 
LINTON. R. O homem: uma introdução à antropologia. São Paulo: Martins. 1959 (adaptado). 
A situação descrita é um exemplo de como os costumes resultam da 
a) assimilação de valores de povos exóticos. 
b) experimentação de hábitos sociais variados. 
c) recuperação de heranças da Antiguidade Clássica. 
d) fusão de elementos de tradições culturais diferentes. 
e) valorização de comportamento de grupos privilegiados.

GABARITO
04 - E
A questão interpreta o conservadorismo da sociedade brasileira sob um viés ideológico, ao afirmar que “a sociedade [brasileira] é muito mais avançada que o sistema político”. Face ao exposto, a explicação que resta para esse paradoxo é a de que as aspirações populares acabam sendo manipuladas por uma ideologia conservadora que influencia o processo político.

08 - B
O texto de Habermas afirma que a validez de uma norma é alcançada quando todos os que possam ser concernidos por ela cheguem, enquanto participantes de um discurso prático, a um acordo quanto à sua validade, e isso se dá pela razão comunicativa; a isso, chamamos de consenso.

21 - C
Segundo os dois textos e segundo o pensamento clássico de Aristóteles, cidadania está vinculada com a possibilidade de participação política. Nos textos, essa participação pode ser identificada nas atividades públicas, na administração da justiça e no exercício de funções públicas.

43 - D
O texto sugere que nosso comportamento, nossos hábitos de consumo, sofre múltiplas influências – muitas delas nem sequer damos conta. Portanto, falar-se em cultura nacional, pureza racial, comportamento típico pode ignorar um dos aspectos da sociedade moderna, que é o multiculturalismo, mais ou menos evidente em praticamente todos os rincões do planeta.

Nenhum comentário:

Qualquer valor...

Faça Uma Doação para o Blog de Geografia

Você gosta das postagens do blog e gostaria de ajudar: Ajude o blog "Blog  de Geografia" a manter seu trabalho. Para isso conto co...