sexta-feira, 16 de março de 2018

Enem 2014 - Questões relacionadas à Filosofia - com Gabarito

Enem 2014 - Questão 06 - Panayiotis Zavos “quebrou” o último tabu da clonagem humana – transferiu embriões para o útero de mulheres, que os gerariam. Esse procedimento é crime em inúmeros países. Aparentemente, o médico possuía um laboratório secreto, no qual fazia seus experimentos. “Não tenho nenhuma dúvida de que uma criança clonada irá aparecer em breve. Posso não ser eu o médico que irá criá-la, mas vai acontecer”, declarou Zavos. “Se nos esforçarmos, podemos ter um bebê clonado daqui a um ano, ou dois, mas não sei se é o caso. Não sofremos pressão para entregar um bebê clonado ao mundo. Sofremos pressão para entregar um bebê clonado saudável ao mundo.”
 CONNOR, S. Disponível em: www.independent.co.uk. Acesso em: 14 ago. 2012 (adaptado). 

A clonagem humana é um importante assunto de reflexão no campo da bioética que, entre outras questões, dedica-se a 
a) refletir sobre as relações entre o conhecimento da vida e os valores éticos do homem. 
b) legitimar o predomínio da espécie humana sobre as demais espécies animais no planeta. 
c) relativizar, no caso da clonagem humana, o uso dos valores de certo e errado, de bem e mal. 
d) legalizar, pelo uso das técnicas de clonagem, os processos de reprodução humana e animal. 
e) fundamentar técnica e economicamente as pesquisas sobre células-tronco para uso em seres humanos.

Enem 2014 - Questão 08 - Uma norma só deve pretender validez quando todos os que possam ser concernidos por ela cheguem (ou possam chegar), enquanto participantes de um discurso prático, a um acordo quanto à validade dessa norma. 
HABERMAS. J. Consciência moral e agir comunicativo. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1989. 

Segundo Habermas, a validez de uma norma deve ser estabelecida pelo(a) 
a) liberdade humana, que consagra a vontade. 
b) razão comunicativa, que requer um consenso. 
c) conhecimento filosófico, que expressa a verdade. 
d) técnica científica, que aumenta o poder do homem. 
e) poder político, que se concentra no sistema partidário.

Enem 2014 - Questão 13 - Alguns dos desejos são naturais e necessários; outros, naturais e não necessários; outros, nem naturais nem necessários, mas nascidos de vã opinião. Os desejos que não nos trazem dor se não satisfeitos não são necessários, mas o seu impulso pode ser facilmente desfeito, quando é difícil obter sua satisfação ou parecem geradores de dano. 
EPICURO DE SAMOS. Doutrinas principais. In: SANSON, V F. Textos de filosofia. Rio de Janeiro: Eduff, 1974. 

No fragmento da obra filosófica de Epicuro, o homem tem como fim 
a) alcançar o prazer moderado e a felicidade. 
b) valorizar os deveres e as obrigações sociais. 
c) aceitar o sofrimento e o rigorismo da vida com resignação. 
d) refletir sobre os valores e as normas dadas pela divindade. 
e) defender a indiferença e a impossibilidade de se atingir o saber.

Enem 2014 - Questão 14
No centro da imagem, o filósofo Platão é retratado apontando para o alto. Esse gesto significa que o conhecimento se encontra em uma instância na qual o homem descobre a 
a) suspensão do juízo como reveladora da verdade. 
b) realidade inteligível por meio do método dialético. 
c) salvação da condição mortal pelo poder de Deus. 
d) essência das coisas sensíveis no intelecto divino. 
e) ordem intrínseca ao mundo por meio da sensibilidade.

Enem 2014 - Questão 16 - É o caráter radical do que se procura que exige a radicalização do próprio processo de busca. Se todo o espaço for ocupado pela dúvida, qualquer certeza que aparecer a partir daí terá sido de alguma forma gerada pela própria dúvida, e não será seguramente nenhuma daquelas que foram anteriormente varridas por essa mesma dúvida. 
SILVA, F. l. Descartes: a metafísica da modernidade. São Paulo: Moderna, 2001 (adaptado). 

Apesar de questionar os conceitos da tradição, a dúvida radical da filosofia cartesiana tem caráter positivo por contribuir para o(a) 
a) dissolução do saber científico. 
b) recuperação dos antigos juízos. 
c) exaltação do pensamento clássico. 
d) surgimento do conhecimento inabalável. 
e) fortalecimento dos preconceitos religiosos.

Enem 2014 - Questão 21 - TEXTO I 
Olhamos o homem alheio às atividades públicas não como alguém que cuida apenas de seus próprios interesses, mas como um inútil; nós, cidadãos atenienses, decidimos as questões públicas por nós mesmos na crença de que não é o debate que é empecilho à ação, e sim o fato de não se estar esclarecido pelo debate antes de chegar a hora da ação. 
TUCÍDIDES. História da Guerra do Peloponeso. Brasília: UnB, 1987 (adaptado). 

TEXTO II 
Um cidadão integral pode ser definido por nada mais nada menos que pelo direito de administrar justiça e exercer funções públicas; algumas destas, todavia, são limitadas quanto ao tempo de exercício, de tal modo que não podem de forma alguma ser exercidas duas vezes pela mesma pessoa, ou somente podem sê-lo depois de certos intervalos de tempo prefixados. 
ARISTÓTELES. Política. Brasílía: UnB, 1985. 

Comparando os textos I e II, tanto para Tucídides (no século V a.C.) quanto para Aristóteles (no século IV a.C.), a cidadania era definida pelo(a) 
a) prestígio social. 
b) acúmulo de riqueza. 
c) participação política. 
d) local de nascimento. 
e) grupo de parentesco.

Enem 2014 - Questão 29 - A filosofia encontra-se escrita neste grande livro que continuamente se abre perante nossos olhos (isto é, o universo), que não se pode compreender antes de entender a língua e conhecer os caracteres com os quais está escrito. Ele está escrito em língua matemática, os caracteres são triângulos, circunferências e outras figuras geométricas, sem cujos meios é impossível entender humanamente as palavras; sem eles, vagamos perdidos dentro de um obscuro labirinto. 
GALILEI, G. O ensaiador. Os pensadores. São Paulo: Abril Cultural, 1978. 

No contexto da Revolução Científica do século XVII, assumir a posição de Galileu significava defender a 
a) continuidade do vínculo entre ciência e fé dominante na Idade Média. 
b) necessidade de o estudo linguístico ser acompanhado do exame matemático. 
c) oposição da nova física quantitativa aos pressupostos da filosofia escolástica. 
d) importância da independência da investigação científica pretendida pela Igreja. 
e) inadequação da matemática para elaborar uma explicação racional da natureza.

GABARITO / RESOLUÇÃO
06 - A
A Bioética é uma ética aplicada que reflete sobre os conflitos e controvérsias morais implicadas no âmbito da ciências da saúde e da biologia. São temas sondados pela bioética a clonagem humana, a questão do aborto e a eutanásia, por exemplo.

8 - B
O texto de Habermas afirma que a validez de uma norma é alcançada quando todos os que possam ser concernidos por ela cheguem, enquanto participantes de um discurso prático, a um acordo quanto à sua validade, e isso se dá pela razão comunicativa; a isso, chamamos de consenso.

13 - A
Epicuro criou um sistema filosófico que procura a busca de prazeres moderados com o objetivo de se alcançar tranquilidade e segurança. Desejos exacerbados causam perturbações, obstruindo o encontro da felicidade. Nesse sentido, Epicuro ficou conhecido como o filósofo do jardim.

14 - B
Platão identificou, em sua filosofia, dois mundos: o inteligível ou das ideias, das essências imutáveis que o homem atinge pela contemplação, reflexão e dialética; e o mundo sensível ou dos fenômenos. O primeiro é o mundo original descoberto pelo filósofo por meio da dialética, método de diálogo cujo foco é a contraposição e a contradição de ideias.

16 - D
Descartes trouxe importantes contribuições para o desenvolvimento da epistemologia, ou seja, a área da filosofia que estuda a forma como os homens produzem conhecimento. O método aqui citado pode ser chamado de ceticismo metodológico, que consiste em filtrar todas as ideias, eliminando aquelas que não se afigurassem como verdadeiras e fossem dúbias. Retêm-se apenas as ideias que não suscitavam dúvida alguma.

21 - C
Segundo os dois textos e segundo o pensamento clássico de Aristóteles, cidadania está vinculada com a possibilidade de participação política. Nos textos, essa participação pode ser identificada nas atividades públicas, na administração da justiça e no exercício de funções públicas.

29 - C
A revolução científica do século XVII consiste num movimento de libertar a investigação das influências da metafísica e misticismo da Idade Média. Galileu Galilei contestou concepções aristotélicas acerca da física e defendeu a visão heliocêntrica e, por isso, foi acusado de heresia pela Igreja.

Nenhum comentário: