PESQUISAR ESTE BLOG

segunda-feira, 25 de abril de 2022

Questão de História - UNIFESP 2008 - A política do estado brasileiro, depois da Revolução de 1930, nas palavras do cientista político

UNIFESP 2008 - “A política do estado brasileiro, depois da Revolução de 1930, nas palavras do cientista político Décio Saes, “será combatida, pelo seu caráter ‘intervencionista’ e pelo ‘artificialismo’ dos seus efeitos; de outro lado, a política de reconhecimento das classes trabalhadoras urbanas será criticada pelo seu caráter ‘demagógico’, ‘massista’ e ‘antielitista’”. (in: História Geral da Civilização Brasileira, III, 3, 1981, p. 463.) 
As críticas ao Estado brasileiro pós-1930 eram formuladas por setores que defendiam 
a) os interesses dos usineiros e, no plano político, o coronelismo. 
b) posições afinadas com o operariado e, no plano político, o populismo. 
c) os interesses agro-exportadores e, no plano político, o liberalismo. 
d) as burguesias comercial e financeira e, no plano político, o conservadorismo. 
e) posições identificadas com as classes médias e, no plano político, o tenentismo.

RESPOSTA:
Letra C.

Os interesses dos setores agro-exportadores foram afetados pela ênfase do governo Vargas no projeto de industrialização do País. Já ao liberalismo burguês — elitista por sua própria origem — desagradava o populismo de Getúlio, direcionado para obter o apoio das classes trabalhadoras urbanas.  

Nenhum comentário:

Qualquer valor...

Faça Uma Doação para o Blog de Geografia

Você gosta das postagens do blog e gostaria de ajudar: Ajude o blog "Blog  de Geografia" a manter seu trabalho. Para isso conto co...