sábado, 6 de janeiro de 2018

O Mar da Galileia é um lago de água doce e não um mar

Apesar do seu nome, o Mar da Galileia é um lago de água doce, o segundo lago mais baixo do mundo.


O Mar da Galileia é um lago de água doce localizado no norte de Israel. O lago também foi referido na Bíblia por vários outros nomes: o lago de Genesaret, o Mar de Kinneret, oMar de Chinneroth, o Lago de Tiberíades, ou às vezes simplesmente como "o lago". O lago é cercado por todos os lados por colinas, com o Monte Arbel situado ao oeste, enquanto as Colinas de Golã, que fazem parte da Síria, mas atualmente ocupadas por Israel, localizam-se ao leste. O mar da Galileia é o segundo lago mais baixo do mundo após o Mar Morto. Este lago é alimentado primariamente pelo rio Jordão. muita água através da evaporação.

O Mar da Galileia tem uma área de 166 quilômetros quadrados e uma profundidade média de 25,6 metros. Uma disputa sobre os direitos de usar a água do Mar da Galileia foi um fator que contribuiu para a Guerra dos Seis Dias em 1967. No passado, o lago forneceu a maior parte da água potável para Israel e a Jordânia. No entanto, como serviu como principal fonte de água desses países por um longo período de tempo, os níveis de água do lago recuaram para alguns dos pontos mais baixos da história. 
A cidade de Tibéria está localizada nas margens do Mar da Galileia.
O mar da Galileia é um local importante da tradição cristã, já que foi em uma colina próxima a esse mar que Jesus Cristo proferiu o seu famoso Sermão da Montanha. O lago também é o local onde Jesus recrutou seus quatro primeiros discípulos, acalmou o mar e caminhou sobre a água. Ao longo da história, a pesca serviu como a principal atividade econômica nas comunidades próximas do Mar da Galileia. No entanto, devido à sobrepesca, o governo israelense demarcou um período todos os anos, de 15 de abril a 15 de agosto, durante o qual não pode pescar no lago. Hoje, as nascentes naturais próximas também adquiriram uma conotação religiosa, e multidões de fiéis mergulham nas nascentes por causa do poder de cura que acreditam que possuem.

Nenhum comentário: