sábado, 9 de fevereiro de 2019

Proposta cria o trabalhador 'sem': sem 13º, sem férias e sem FGTS

Ministro defende opção pela adoção da carteira verde amarela, que elimina direitos previstos na CLT. Advogado rebate 'escolha'
Ministro-guru de Bolsonaro, Guedes cita fim da Justiça do Trabalho
Ministro-guru de Bolsonaro, Guedes cita fim da Justiça do Trabalho - Marcelo Camargo/Agência Brasil.
Os jovens devem ser os mais penalizados com a Reforma da Previdência e com a carteira verde amarela anunciada por membros do governo. No primeiro item porque eleva o período de contribuição a 40 anos para que o trabalhador tenha direito a receber uma aposentadoria integral. No segundo porque em um universo de 12,8 milhões de desempregados no país, segundo pesquisa do IBGE, querer jogar para o trabalhador a escolha do modelo trabalhista como a carteira verde e amarela, onde há desistência de pagamento de férias e de 13º salário, é colocar a galinha dentro da toca do lobo. Ou seja, o lado mais forte vai prevalecer.

Fonte: Jornal O Dia.

Nenhum comentário: