segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Questão resolvida de Geografia - Estrutura fundiária brasileira

Questão de vestibular resolvida - Vestibular UFV 2011 - Geografia - Estrutura fundiária brasileira

Leia o poema abaixo, de autoria de João Cabral de Mello Neto, musicado por Chico Buarque de Holanda:
Funeral de um Lavrador
Esta cova em que estás com palmos medida
É a conta menor que tiraste em vida
É a conta menor que tiraste em vida
É de bom tamanho nem largo nem fundo
É a parte que te cabe deste latifúndio
É a parte que te cabe deste latifúndio
Não é cova grande, é cova medida
É a terra que querias ver dividida
É a terra que querias ver dividida
É uma cova grande pra teu pouco defunto
Mas estarás mais ancho que estavas no mundo
estarás mais ancho que estavas no mundo
É uma cova grande pra teu defunto parco
Porém mais que no mundo te sentirás largo
Porém mais que no mundo te sentirás largo
É uma cova grande pra tua carne pouca
Mas a terra dada, não se abre a boca
É a conta menor que tiraste em vida
É a parte que te cabe deste latifúndio
É a terra que querias ver dividida
Estarás mais ancho que estavas no mundo
Mas a terra dada, não se abre a boca.
(Disponível em: www.letras.terra.com.br/chico-buarque/45132.
Acesso em: 20 ago. 2010.)
O texto revela a situação histórica da divisão de terras no Brasil. Quanto à forma da estrutura fundiária brasileira a que o texto se refere, é CORRETO afirmar que ela é baseada:
a) em médias propriedades e destinada a atender ao mercado externo.
b) em pequenas propriedades e destinada a atender ao mercado interno.
c) nas grandes propriedades e destinada a atender ao mercado externo.
d) nas grandes propriedades e destinada a atender ao mercado interno.

Nenhum comentário: