terça-feira, 3 de abril de 2018

Prova de História com gabarito - Vestibular de Verão 2018 - FPP

Questão 01 - FPP 2018 - Leia o texto. [...] Os povos ainda pagãos que se tornarão cristãos ao longo da Idade Média serão convertidos a oeste por Roma e a leste por Constantinopla. Dessa forma, estabelece-se na Europa uma ruptura, essencialmente religiosa, mas correspondente sem dúvida às diferenças mais gerais e mais profundas entre os europeus do Oeste e os europeus do Leste. Outras diferenças virão, ao longo da história, agravar essa ruptura, mas, dos dois lados, somos cristãos. 
LE GOFF, Jacques. Uma breve história da Europa. Petrópolis: Vozes, 2010. 

Uma das instituições mais poderosas do planeta, a Igreja Católica Apostólica Romana passou por conflitos internos que culminaram em rupturas, algumas delas definitivas. 

Analise as afirmativas abaixo. 
I. Instituído como religião oficial desde o Império Romano pelo imperador Teodósio, o cristianismo gerou discussões irreconciliáveis e a divisão, durante o mesmo governo, do Império Romano em Ocidental, com sede em Roma, e Oriental, com sede em Constantinopla. 
II. O clero do cristianismo bizantino não se submetia ao Papa, e sim ao Imperador. Surgiram também diversas heresias, como a negação da virgindade de Maria. Tal quadro se agravou até a ruptura com Roma e a criação da Igreja Cristã Ortodoxa. 
III. Um dos maiores problemas enfrentados pelo cristianismo foi a crise moral de parte do clero, principalmente durante o século XVI; os abusos de poder; a compra de cargos; e a venda de indulgências, o que fez surgir a chamada Reforma Protestante. 
IV. A corrupção e a desmoralização de uma parcela do clero católico levaram a um processo chamado de Cisma do Oriente no século XVI, quando, após anos de tensão, a Igreja Católica dividiu-se em Igreja Católica Apostólica Romana e Igreja Cristã Ortodoxa, que negava a autoridade papal, além de condenar a prática da simonia. 

Marque a alternativa que contém todas as afirmativas CORRETAS. 
A) II e III. 
B) I e II. 
C) I e III. 
D) II e IV. 
E) III e IV.

Questão 02 - FPP 2018 - Leia abaixo o trecho escrito por Tácito acerca do Império Romano. Aos que pereciam, acrescentaram-se zombarias. Alguns, cobertos por peles de animais, foram estraçalhados por cães e pereceram; ou eram pregados a cruzes, e por vezes queimados, para servir de iluminação noturna quando a luz do dia havia expirado. Nero ofereceu seus jardins para o espetáculo e ofereceu jogos de circo, misturando-se entre o povo em trajes de condutor de carro, ou conduzindo o carro. Por isso, embora a condenação fosse contra culpados e merecedores dos piores castigos, entre o povo surgiu pena para com eles, como se não estivessem morrendo por utilidade pública, mas devido à crueldade de um só indivíduo. 
BONI, Luis Alberto de. O estatuto jurídico das perseguições dos cristãos no Império Romano. 
In: Trans/Form/Ação. Vol.37, Marília, 2014. 
Esse texto expõe atitudes polêmicas de Nero que teriam sido direcionadas contra 
A) escravos, mortos em lutas de gladiadores e outros espetáculos públicos dentro de sua nova política de pão e circo, como forma de alienar a população de seus problemas cotidianos. 
B) povos bárbaros, que continuavam a adorar seus deuses familiares e não aceitavam o culto ao imperador e aos deuses do panteão romano. 
C) estrangeiros, vistos como uma ameaça pelos romanos graças às constantes invasões e saques que proporcionavam contra o império. 
D) rebeldes, cidadãos romanos que foram condenados por delitos contra os órgãos estatais e punidos exclusivamente com a violência pública como forma de expirar seus crimes. 
E) cristãos, perseguidos por não aceitarem a divindade do imperador e por recusarem o uso da escravidão, tão importante dentro do sistema econômico romano.

Questão 03 - FPP 2018 - Nas primeiras décadas do século XX, a utilização da dupla “higiene-eugenia” como promotora da saúde no Brasil foi recorrente no discurso de médicos e educadores. O novo panorama urbano dos grandes centros brasileiros, marcados nesse início de século pelo rápido crescimento e aumento populacional notável, criou uma demanda por soluções de caráter higiênico que permitissem um novo encaminhamento para as questões urbanas e sociais. 
JANZ JR., Dones Cláudio. O valor da eugenia: eugenia e higienismo no discurso médico curitibano no início do século XX. 

No início do século XX, no Brasil, a “demanda por soluções de caráter higiênico que permitissem um novo encaminhamento para as questões urbanas e sociais” foi colocada em prática pelo governo federal em ações como a reurbanização da capital nacional com o melhoramento de medidas sanitárias, demolição de 
A) cortiços e deslocamento de trabalhadores para vilas operárias. 
B) a demolição de cortiços e de alguns morros na cidade do Rio de Janeiro, além de campanhas de conscientização e de vacinação voluntária. 
C) a reforma da cidade do Rio de Janeiro inspirada em Paris, com o alargamento de ruas e aprimoramento do fornecimento de água e esgoto. 
D) a obrigatoriedade da coleta de lixo pública, a vacinação opcional e a expansão da iluminação pública nas grandes cidades. 
E) o início do ensino de medidas sanitárias nas escolas públicas, a fiscalização das casas e dos cortiços na capital federal e multas para aqueles que não se enquadrassem na nova legislação.

Questão 04 - FPP 2018 - Leia o texto abaixo. S. M. o Imperador do Brasil, e os governos da República Oriental do Uruguai, e dos estados de Entre-Rios e de Corrientes, reconhecendo que as declarações oficiais do Governador de Buenos Aires, e o caráter dos preparativos bélicos que está fazendo, os colocam no caso da aliança comum estipulada no art. 15 do convênio de 29 de maio deste ano, contra aquele Governo, cuja existência se tem tornado incompatível com a paz, a segurança e o bem estar dos Estados Aliados, acordaram estabelecer, em uma convenção especial, o modo e os meios de satisfazer os deveres dessa aliança, malogrando as intenções e disposições hostis do dito Governador [...]. 
Convênio especial de aliança entre o Império do Brasil, a República Oriental e os Estados de Entre-Rios e Corrientes. In: TITÁRA, L. dos S. Memórias do grande exército libertador do Sul da América na guerra de 1851 e 1852. 
Rio Grande do Sul: Typographia Berlink, 1852. 
Assinale a alternativa que indica o conflito militar ao qual o documento faz referência. 
A) Guerra do Prata, também conhecida como Guerra contra Oribe e Rosas. 
B) Guerra da Cisplatina. 
C) Guerra do Paraguai. 
D) Guerra do Chaco. 
E) Guerra do Pacífico.

GABARITO
01 - A
02 - E
03 - C
04 - A

Nenhum comentário: