terça-feira, 15 de dezembro de 2015

História de Embu-Guaçu, São Paulo – SP

Histórico do Município: Embu-Guaçu, São Paulo – SP
Gentílico: embu-guaçuense

No fim do século XIX o sertanista José Pires de Albuquerque chegou à região entre os rios das Lavras, Embu-Guaçu e o córrego do Borges, onde impressionado pelas belezas naturais, construiu sua casa em taipa, mantida até hoje como patrimônio municipal por indústria aí localizada. 
Outras famílias como os Roschel, Schunck, Cremm, Domingues e outros, foram também se fixando, no local conhecido primeiramente como "Ilha de Itararé", mais tarde M'Boi Guaçu e finalmente Embu-Guaçu. 
O topônimo deriva do tupi "m-boy-guaçu", que significa "cobra grande". 
O crescimento do núcleo foi lento a princípio, tendo como ligação principalmente o rio Embu-Guaçu, que hoje desemboca na represa de Guarapiranga, o principal manancial que abastece São Paulo de água potável. 
A construção da ferrovia (antiga Estrada de Ferro Sorocabana) em 1932, trouxe melhores condições de comunicação e progresso com a diversificação de sua economia, principalmente agrícola e industrial. 

Formação Administrativa 
Distrito criado com a denominação de Embú-Guaçu, por Decreto-lei Estadual nº 14334, de 30 de novembro de 1944, no Município de Itapecerica da Serra. 
Distrito de Embu-Guaçu com terras desmembradas do Distrito da Sede do Município de Itapecerica da Serra e da 37ª zona industrial, Capela do Socorro, do Distrito da Sede do Município de São Paulo. 
No quadro fixado, pelo referido decreto-lei, para vigorar em 1945-1948, o Distrito de Embu-Guaçu figura no Município de Itapecerica da Serra, assim como no fixado pela Lei Estadual nº 233, de 24-XII-1948 para 1949-1953. 
Grafado Imbuguaçu no quadro territorial fixado pela Lei Estadual nº 2456, de 30-XII-1953, ainda no mesmo Município. 
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 01-VII-1960. 
Elevado a categoria de município com a denominação de Embú-Guaçu, por Lei Estadual nº 8092, de 28 de fevereiro de 1964, desmembrado de Itapecerica da Serra. Constituído do Distrito Sede. Sua instalação verificou-se no dia 28 de março de 1965. 
Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o Município de Embu-Guaçu é constituído do Distrito Sede. 
Lei no 768, de 03 de março de 1990, cria o Distrito de Cipó-Guaçu e incorpora ao Município de Embú-Guaçu. 
Em divisão territorial datada de 01-VI-1995, o município é constituído de 2 Distritos: Embú-Guaçu e Cipó-Guaçu.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 15-VII-1999.

Fonte: Biblioteca do IBGE.

Nenhum comentário: