domingo, 1 de abril de 2018

Toyotismo - Questões de Concursos - Gabarito

1. UFBA - 2ª FASE 2010 (adaptada)
O processo [...] de industrialização impulsionado [nas últimas décadas] não foi capaz de criar empregos suficientes para absorver a população economicamente ativa (PEA) [...] que passou a viver nas cidades. Na realidade, a automação do processo produtivo industrial em andamento nas últimas décadas, com a introdução de robôs, máquinas digitais e informatizadas e técnicas toyotistas de produção, tem desencadeado a dispensa de um grande contingente de operários [...]. (BOLIGIAN; ALVES, 2004, p. 409). Com base na ilustração, no texto e nos conhecimentos sobre o momento atual no contexto da sociedade contemporânea, em particular, no relacionamento do homem com a máquina, informe onde teve início o Toyotismo e cite uma das principais características desse processo de produção.

2. UFMT - 2017 - UFSBA - Que modelo de gestão começou a ser conhecido e aplicado após a Segunda Guerra Mundial, que visava a eliminação de desperdícios com a racionalização da força de trabalho, produção flexível e utilização do just in time? 
a) Fordismo 
b) Taylorismo 
c) Marxismo 
d) Toyotismo

3. FUNCAB - 2015 - FUNASG - A crise do capitalismo, na década de 1970, produziu uma mudança do paradigma taylorista-fordista, tendo como efeito a reorganização dos mercados, a intensificação dos fluxos de comércio, o acirramento da competição, aceleração do uso da tecnologia, além de uma radical transformação acerca do trabalho. Neste cenário, um novo modelo de produção surge. Marque a alternativa que indica corretamente como se chama esse modelo. 
a) Neoliberalismo 
b) Burocracia 
c) Globalização 
d) Toyotismo 
e) Marxismo

4. COPEVE-UFAL - 2011 - O sistema organizacional do trabalho denominado de toyotismo é uma resposta à crise do fordismo dos anos 70. É correto afirmar que o toyotismo se caracteriza 
a) pela rigidez na produção, principalmente pela eliminação do desperdício de tempo e movimentos, por meio do trabalho parcelar, padronizado e descontínuo. 
b) por ter um trabalhador qualificado e polivalente e pela produção atender às particularidades das demandas. 
c) por ter sua origem no modo de organização do trabalho de uma indústria automobilística da China, cujo presidente era Kiichiro Toyoda, daí a derivação da sua denominação. 
d) pela produção em massa, pois o consumo condiciona toda a organização da produção. 
e) pela adoção de uma organização produtiva verticalizada, voltada para produzir somente os itens necessários na quantidade necessária, sem gerar estoque, por meio da técnica denominada de kanban, em que o trabalhador desempenha uma única tarefa.

5. VUNESP - 2012 - SPTrans - Um dos avanços do Toyotismo no controle de qualidade foi o rompimento com as técnicas estatísticas e o desenvolvimento de uma abordagem que foi chamada de produção “à prova de erros”. Essa técnica ficou conhecida como 
a) TQM. 
b) Kanban. 
c) Kaizen. 
d) Just-in-time. 
e) Poka yoke.

6. CESGRANRIO - 2011 - Petrobras - O toyotismo, como expressão da Terceira Revolução Industrial, tem relação direta com a produção flexível e com a microeletrônica. As características desse modelo de produção, respectivamente relacionadas aos aspectos escala de produção, relação entre empresas e produtividade, são: 
a) nacional - vertical - relativa 
b) nacional - vertical - baixa 
c) local - horizontal - crescente 
d) global - vertical - baixa 
e) global - horizontal - elevada

7. Quadrix - 2016 - CRF-PR - Também chamado de sistema de produção flexível, o Toyotismo foi criado na década de 1970 por Taiichi Ohno (1912) e Eiji Toyoda (1913-2013) e diretamente aplicado nas linhas de produção da Toyota. Diante do panorama da crise do petróleo de 1970, das peculiaridades da economia japonesa e das limitações do fordismo, o toyotismo foi elaborado com base nas seguintes premissas: a) produção flexível e não mais em massa, mas variando de acordo com a procura; b) maior rapidez no processo produtivo (just in time); c) o mesmo trabalhador realiza múltiplas funções; d) não necessidade de estocagem; e) produtos não necessariamente padronizados. Com o avanço do toyotismo pelo mundo ao final do século XX e o fortalecimento do sistema neoliberal, houve diretas consequências, como:
I. a desregulamentação progressiva do trabalho; 
II. o enfraquecimento dos sindicatos; 
III. a tecnologização da produção e o consequente deslocamento dos trabalhadores para o setor terciário. Pode-se afirmar que:
a) somente I está correta. 
b) somente II está correta. 
c) somente III está correta. 
d) há somente duas afirmativas corretas. 
e) todas estão corretas.

8. CONSULPLAN - 2015 - “O responsável pelo desenvolvimento do Sistema Toyota de Produção, conhecido como toyotismo ou produção enxuta, foi o engenheiro Taiichi Ohno (1912‐1990). Em 1943, ele entrou na Toyota determinado a introduzir mudanças no sistema produtivo com o objetivo de reduzir desperdícios (aposentou‐se como vice‐presidente da empresa). No final dos anos 1950, começou a implantar uma série de inovações na linha de produção e muitos dos processos produtivos desenvolvidos por ele passaram a ser copiados por outras empresas.” (SENE, Eustáquio de; MOREIRA, João Carlos. Geografia Geral e do Brasil – Espaço geográfico e globalização. São Paulo: Editora Moderna. v. 2.)

Linha de produção do carro híbrido Toyota Prius (possui um motor elétrico e outro a gasolina) na fábrica situada em Toyota City, Japão (foto de 2008). De acordo com o texto, o Sistema Toyota de Produção promoveu transformação no processo industrial. Assinale a afirmativa que indica corretamente essa mudança. 
a) Ocorre a racionalização da produção, os operários não precisam locomover na fábrica, parados executam as mesmas tarefas, ampliando a produção. 
b) O processo industrial foi promovido pelo desenvolvimento das indústrias de economia de escala, que exigia o consumo em massa motivado pela propaganda. 
c) A intervenção do estado na economia foi fundamental, garantindo o emprego e a manutenção de baixos salários para os trabalhadores ultraespecializados. 
d) A organização da produção pressupõe um abastecimento contínuo de insumos, procurando estabelecer uma sintonia fina entre fornecedores, fábrica e consumidores.

GABARITO
01 - Resposta: 
O Toyotismo e suas características: ― Surgiu no Japão, no final da década de 50 do século XX; ― Implantação de métodos de organização da produção, como os círculos de controle de qualidade e o just-in-time; ― Busca de maior produção com menos recursos e mão de obra utilizados, valendo-se de equipamentos de última geração; ― Introdução no processo produtivo de máquinas sofisticadas e de ajuste flexível e robôs; ― Descentralização espacial da atividade industrial; ― O Modelo de empresa passou a ser horizontal e a ideia de concentração cedeu lugar à de terceirização.

02 - D
03 - D
04 - B
05 - E
06 - E
07 - E
08 - D

Nenhum comentário: