quarta-feira, 1 de maio de 2013

Questões de Vestibulares sobre União Europeia - Geografia

Geografia: Questões sobre a União Européia, retirados de provas de vestibulares.
1. (UEPB 2008) A União Européia resulta de um processo que se inicia em 1950 com a criação da Comunidade Européia do Carvão e do Aço e se concretiza em novembro de 1993 quando entrou em vigor o tratado de Maastricht. Com base no seu conhecimento e com o auxílio do Cartograma abaixo assinale com V as proposições VERDADEIRAS e com F as FALSAS, referentes à formação deste bloco econômico.

( ) Em 1951 formava-se a Europa dos Seis, com a assinatura do tratado de Roma, que instituía a Comunidade Econômica Européia, da qual faziam parte a Inglaterra, Irlanda, França, Alemanha, Itália e Suíça. 
( ) Em 1973 dá-se o alargamento da Comunidade Européia, com o ingresso dos países ibéricos e da Grécia. 
( ) Em 1995 temos a formação da Europa dos Quinze, com a entrada da Áustria e de dois países escandinavos. 
( ) A partir de 2004 a União Européia se amplia com a admissão de países ex-socialistas do Leste Europeu, cuja aquisição mais recente são Bulgária e Romênia, totalizando hoje 27 países. A seqüência correta das assertivas é 
a) F F F F 
c) V V V V 
e) V F F V 
b) F F V V 
d) F V V F

2. (UERJ 2011)
Europa Ocidental: a construção da unidade
A criação da República Federal Alemã (1949) reativou o temor francês do ressurgimento do nacionalismo alemão. Foi nessa atmosfera confusa e carregada que, em maio de 1950, foi apresentado o plano do ministro do exterior, Robert Schuman, de integrar as siderurgias francesa e alemã. O Plano Schuman previa a instituição de uma autoridade comum, supranacional, com poderes para coordenar o reerguimento da produção de carvão e aço nos dois países. Outros países poderiam aderir à iniciativa. O Tratado da Comunidade Europeia do Carvão e do Aço - CECA foi assinado em 1951.
Adaptado de MAGNOLI, Demétrio. O mundo contemporâneo. São Paulo: Atual, 2004.

A criação da CECA deu origem a um conjunto de iniciativas de integração no continente europeu, dentre elas, as raízes da própria União Europeia. O conceito fundamental nesse processo de integração entre Estados-Nacionais é: 
(A) espaço vital 
(B) fronteira flexível 
(C) território multipolar 
(D) soberania compartilhada

3. (UEPB 2008) A Turquia, um dos países candidatos a integrar a União Européia, tem dividido opiniões quanto ao seu ingresso no bloco. Dentre as polêmicas que dificultam sua entrada destacam-se: I. A posição estratégica que o país ocupa enquanto nação cristã, no combate ao terrorismo e ao fundamentalismo. II. O tratamento diferenciado que o país ainda faz para com homens e mulheres. III. A prática de violação dos direitos humanos ainda presente no país, sobretudo contra os curdos. IV. A instabilidade econômica que o país ainda não conseguiu solucionar. Estão corretas as assertivas: 
a) I e IV, apenas 
c) I, II e III e) II e III, apenas 
b) I, III e IV 
d) II, III e IV

4. (FUVEST 2008 - 2ª Fase) "A União Européia (UE), composta por 27 países, apresenta um sistema político historicamente único, que vem evoluindo há mais de 50 anos". Adaptado de Pascal Fontaine, 2007. a) Cite duas nações, membros da UE, que não aderiram à moeda única, o Euro. Explique o porquê dessa não adesão. b) Outros países europeus estão reivindicando sua entrada para a UE. Cite um desses países e explique um motivo para tal reivindicação. c) Cite uma exigência para um país ser aceito no bloco da UE. Explique.

5. (PUC-RIO 2011) 

A organização observada no cartograma representa: 
(A) as nações européias que adotaram o Euro como moeda. 
(B) a atual composição regional da União Européia (UE). 
(C) as forças militares dos EUA na Europa da Guerra Fria. 
(D) o espaço militar europeu do século XXI (OTAN). 
(E) as 25 nações mais ricas do continente europeu.

6. (UFV 2011) Leia o texto abaixo: Acusado por um comitê das Nações Unidas de tratar os roma (ciganos) de forma racista e xenófoba, o governo francês permanece impassível. Até o fim deste mês Paris pretende “enviar” 700 roma para seus países de origem, Romênia e Bulgária [...] O governo prefere o termo “enviar”, e não “expulsar”, porque os ciganos seriam, insiste a administração pública, voluntários. Até o fim de outubro, 300 acampamentos ciganos e de “gente de viagem”− vários desses cidadãos são franceses – serão desmantelados. (CARTA, Gianni. Nada como um bode expiatório. Carta Capital, São Paulo, ano XVI, n. 610, 25 ago. 2010, p. 58.) 
O trecho acima, embora se refira ao contexto francês, representa uma tônica da atual política da União Europeia em relação àqueles cidadãos pouco integrados ao sistema político e econômico tradicional. Neste caso, percebem-se os impactos da globalização na atual política de migração da União Europeia. Sobre os efeitos do processo de globalização em populações que representam minorias, assinale a afirmativa INCORRETA: 
a) A desarticulação do socialismo real no Leste Europeu, no final do século XX, provocou a incorporação de vários países à União Europeia, porém a discriminação aos trabalhadores dessa região permanece. 
b) O aumento do desemprego estrutural na Europa Ocidental, graças ao investimento maciço em novas tecnologias, gerou uma onda de discriminação que atinge as minorias étnicas e religiosas em toda a Europa. 
c) A implantação de um sistema de economia de mercado nos países do Leste Europeu, que tinham economias planificadas, desestruturou antigos sistemas produtivos e gerou um fluxo migratório em direção ao Ocidente. 
d) A política de imigração da União Europeia objetiva corrigir históricas desigualdades regionais e o retorno de imigrantes às regiões de origem é o primeiro passo de uma política de investimentos regionais.

7. (UNIFENAS 2012) A analisada sobre várias perspectivas. A estrutura supranacional criada no pós-guerra, que reuniu a gênese da Comunidade Europeia para ampliar o espaço geoeconômico do mercado comum, parece arruinada, apesar da União Europeia (UE) constituir hoje um bloco comunitário de relevância no cenário internacional. Considerando seus conhecimentos sobre a gênese da Comunidade Europeia que se transformou na atual União Europeia (UE), associado ao atual processo de crise que atinge azona do euro, são feitas as seguintes observações: 
I) A integração econômica surgiu no pós-guerra como elemento chave para a reconstrução da Europa Ocidental, envolvendo França, Alemanha Ocidental, Itália, Bélgica, Holanda e Luxemburgo, com a criação da Comunidade Econômica do Carvão e do Aço (CECA) em 1952. 
II) Em 1957, o Tratado de Roma estabeleceu a Comunidade Econômica Europeia (CEE) e a Comunidade Europeia de Energia Atômica (Euratom). 
III) Posteriormente, em 1967, CECA, CEE e Euratom se fundem, constituindo a Comunidade Europeia e iniciando a trajetória que eliminaria as restrições relacionadas à circulação de pessoas, capitais, mercadorias e serviços como prioridades à oficialização do mercado comum supranacional. 
IV) O Tratado de Maastricht, assinado em 1992, oficializou a criação da União Europeia (UE), sucessora da Comunidade Econômica Europeia e determinou a restrição à entrada de novos países membros, iniciando o processo de retração do bloco quanto a futuras adesões. 
V) A crise europeia envolve, entre outras razões, a baixa sincronia existente entre os elementos político-institucional e econômico-financeiro na estrutura do bloco, associadas ao descontrole das contas públicas de algumas nações da zona do euro. 
VI) Portugal, Irlanda, Itália, Grécia e Espanha - que formam o chamado grupo dos PIIGS - são países que se encontram em posição delicada dentro da zona do euro, pois atuaram de forma mais indisciplinada nos gastos públicos e se endividaram excessivamente. Das afirmações acima, estão corretas 
a) Todas.
 b) I, II e III, apenas. 
c) II, III, IV e V, apenas. 
d) I, II, III, V e VI, apenas. 
e) I, III, IV e VI, apenas.

8. (FATEC 2007) Nos países do leste recém-incorporados à União Européia, a indústria automobilística passou de 310 mil empregos em 2000 para 400 mil em 2006. As folhas de pagamento aumentaram 62% na Eslováquia, que já tem 58.400 pessoas no setor, e 41% na República Tcheca, que tem outras 111 mil. Na Polônia o emprego aumentou 25%, para 111 mil pessoas; na Hungria, 32%, para 44 mil; e na Eslovênia, 31%, para 9.200. (http://noticias.uol.com.br/midiaglobal/lavanguardia, acesso em 27/03/2007) 
O quadro econômico expresso na notícia, complementa- se, corretamente, com os seguintes dados: 
a) a entrada desses países do leste europeu na União Européia, em condições iguais às dos membros mais antigos, lhes dá grandes vantagens competitivas, já que possuem custos de produção menores, atraindo investimentos industriais. 
b) esses novos membros da União Européia aproveitam os altos índices de crescimento industrial nos países mais ricos da Europa nas últimas décadas, como Alemanha e França, apresentando-se como áreas de expansão da indústria automobilística no interior da Europa. 
c) a presença do Estado, como agente econômico com grande participação na economia dos países do leste europeu, é um importante fator atrativo para indústrias multinacionais aí se instalarem, já que estas são dependentes do capital estatal. 
d) o fato de pertencerem à União Européia torna esses novos países-membros verdadeiras “portas de entrada” para mercados de maior poder aquisitivo, fazendo com que indústrias de países em desenvolvimento os procurem para lá se instalarem. 
e) pelo fato de tais países do leste europeu terem sido essencialmente agrícolas no período em que estavam sob o domínio da União Soviética, os atuais governos daqueles promovem políticas de atração de indústrias, acenando com subsídios e poucos encargos trabalhistas.

9. (UEPB 2007) Assinale com V as proposições Verdadeiras e com F as Falsas, em relação à União Européia. 
( ) Este bloco econômico que passou a existir em 1992, e hoje conta com 25 países, teve sua origem com a criação da Comunidade Européia do Carvão e do Aço, da qual faziam parte, inicialmente, 6 países. 
( ) Após a ratificação de uma constituição para a União Européia, o Euro se tornou a moeda oficial de todo o bloco econômico. 
( ) A recusa da Turquia em ingressar na União Européia frustra a pretensão deste bloco em se aproximar do Oriente Médio e ter uma maior representação de muçulmanos em sua população. 
( ) O veto do ingresso dos países do Leste Europeu à União Européia deve-se ao fato de tais nações terem sido repúblicas socialistas. A seqüência correta das assertivas é: 
a) F V V V 
b) V V V V 
c) F F F F 
d) V F F F 
e) F F V V
Gabarito/Resolução comentada
1. B

2. D
A constituição de blocos econômicos abrange necessariamente uma dimensão política por parte dos países envolvidos, uma vez que estes passam a articular amplas parcelas de suas diretrizes econômicas com os demais participantes do bloco. No caso da União Europeia, as políticas tarifárias, fiscal, cambial e monetária, apenas para citar algumas delas, estão articuladas entre os países-membros. Dessa forma, os Estados-Nacionais participantes desse processo de integração abrem mão de uma parcela de sua soberania e passam a adotar uma forma de soberania compartilhada, na qual decisões anteriormente tomadas de forma isolada passam a ser decididas coletivamente.

3. D

4. 
a) Dentre os países membros da União Européia que não aderiram à moeda única, podemos citar o Reino Unido e a Dinamarca. O Reino Unido não aderiu, pois sua moeda, a libra esterlina, é mais valorizada que o Euro, o que aumenta o poder de compra desse país na comunidade. Já no caso da Dinamarca o motivo é o oposto: sua moeda, a coroa dinamarquesa, sendo desvalorizada em relação ao Euro, facilita as exportações para outras nações do bloco. 
b) Dentre os países que estão reivindicando sua entrada para a U.E. o caso mais emblemático é o da Turquia. País de população predominantemente mulçulmana e com mais de 70 milhões de habitantes, seu governo laico, acredita que com a entrada para a comunidade européia aumentariam significativamente os investimentos estrangeiros no país, promovendo importante crescimento econômico. 
c) Existem várias exigências para ser aceito no bloco como, por exemplo, respeito aos direitos humanos, preservação dos valores democráticos, controle do déficit público e da dívida externa e combate à corrupção e ao crime organizado. Todas estas exigências visam, basicamente, garantir a estabilidade e a unidade do bloco. Com informações Veja responde

5.  B
Com a assinatura do tratado de adesão de dez novos sócios da Europa central e de regiões do Leste europeu, a União Européia (UE) passou a ser composta por 25 países em 2003.

6. D

7. D

8. A

9. C

Nenhum comentário: