sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

UENP 2011 - A pobreza e a desigualdade são construções sociais

UENP 2011 - “A pobreza e a desigualdade são construções sociais que se desenvolvem e consolidam a partir de estruturas, agentes e processos que lhes dão forma histórica concreta. Os países e regiões da América Latina moldaram, desde os tempos coloniais até nossos dias, expressões desses fenômenos sociais que, embora apresentem as peculiaridades próprias de cada contexto histórico e geográfico, compartilham um traço em comum: altíssimos níveis de pobreza e desigualdade que condicionam a vida política, econômica, social e cultural. O conceito de construção é praticamente similar ao de produção, sendo utilizado aqui para enfatizar que a pobreza é o resultado da ação concreta de agentes e processos que atuam em contextos estruturais históricos de longo prazo.” 
(Produção de pobreza e desigualdade na América Latina. Antonio David Cattani, Alberto D. Cimadamore (orgs.) ; tradução: Ernani Ssó. — Porto Alegre : Tomo Editorial/Clacso, 2007, p. 07.) 

De acordo com o texto é correto afirmar: 
a) A pobreza sempre existiu e é da natureza das sociedades organizadas que ela ocorra. 
b) A pobreza não pode ser considerada característica presente em toda a América Latina. 
c) A desigualdade social não condiciona a vida política, econômica, social ou cultural. 
d) A pobreza não pode ser considerada fruto da desigualdade. 
e) A pobreza e a desigualdade são construções sociais que se desenvolvem na história e por isso são absolutamente reversíveis.

Resposta: letra E.

Nenhum comentário: