domingo, 28 de outubro de 2012

Exercícios resolvidos sobre a população no Brasil e no mundo

 Questões de Vestibulares e de processos seletivos seriados
1. (UPE) O crescimento acelerado da população e a urbanização são, na atualidade, dois assuntos que vêm sendo estudados, com muita atenção, pela Geografia Humana. Sobre esse tema, o que pode ou não ser dito? (Assinale V ou F)
0 - O crescimento acelerado da população e da urbanização tem sido apontado como um dos responsáveis pela ruptura do funcionamento do ambiente natural.
1 - No Brasil, a urbanização tem sido intensa, sobretudo nos grandes centros e nas cidades de porte médio.
2 - A Geografia Quantitativa é o único ramo do saber geográfico que analisa profundamente as relações entre o crescimento acelerado da população e as condições de funcionamento do ambiente natural.
3 - A complexidade do estudo do ambiente urbano decorre, sobretudo, do fato de que tal análise envolve inúmeras variáveis, tanto relacionadas ao quadro natural quanto àquelas ligadas à qualidade de vida da população.
4 - A vida nas grandes cidades tem-se tornado cada vez mais difícil devido, sobretudo, à degradação das
condições de vida do homem e dos recursos naturais.
0 (V); 1 (V), 2 (F), 3 (V); 4 (V) 
2. (Unicamp - SP) A construção da rede urbana brasileira obedeceu durante quatro séculos ao ritmo lento da exploração do território vasto, sempre em condições de baixa densidade. Ao final do século XIX muda o ritmo da urbanização. (Adaptado de Jorge Wilheim. “Metrópoles e faroeste no século XXI” in: Ignacy Sachs et alii. (orgs), Brasil: um século de transformações. São Paulo, Companhia das Letras, 2001, p. 476.)
a) Explicite um dos motivos para a aceleração da urbanização no Brasil a partir do século XIX.
b) Cite duas características recentes da rede urbana brasileira.
c) O dinamismo da rede urbana brasileira dá-se principalmente por agregação de fluxos migratórios. As pessoas migram visando melhorar o padrão de vida. No entanto, tal expectativa vem sendo frustrada no Brasil. Cite duas conseqüências dessa situação no cenário urbano do país. 
Resposta:
a)
Chegada de imigrantes estrangeiros; incipiente industrialização; economia cafeeira, vinculada à implantação de ferrovias,
gerando atividades urbanas.
b)
- Embora marcada por um número considerável de grandes cidades e metrópoles, a rede urbana brasileira não é muito desenvolvida, comparada com alguns países desenvolvidos;
- apresenta fortes disparidades regionais;
- não é muito densa no geral (número de cidades por área);
- é marcada por acentuadas descontinuidades espaciais (“vazios”);
- está havendo intensificação nas relações entre centros urbanos (comunicações, transportes, trocas comerciais);
- há uma certa fraqueza hierárquica (nem sempre são encontrados os diferentes níveis hierárquicos -metrópoles, centros regionais, centros locais etc);
- está havendo conurbação.
OUTRAS POSSIBILIDADES: mais marcantemente adensadas nas áreas metropolitanas; cidades do interior experimentam uma maior crescimento que as regiões metropolitanas.
c) Crescimento da violência, abandono dos espaços públicos (“áreas perigosas”), crescimento do crime organizado, narcotráfico, aumento de desemprego, péssimas condições de vida e de moradia, subemprego, doenças ou problemas de saúde pelas péssimas condições

3. (FUVEST) Podemos afirmar que a rede urbana no Brasil :
a) pouco densa no Sul, devido ao desenvolvimento agrícola baseado no minifúndio familiar, voltado à produção de trigo para o consumo interno;
b) densa no Centro-Oeste, devido ao desenvolvimento agrícola baseado na produção de soja e trigo, constituindo uma hierarquia urbana completa;
c) rarefeita no Nordeste, devido à migração da população para outras regiões do país, que oferecem oportunidades de trabalho;
d) pouco densa no Norte, apresentando uma estrutura hierárquica incompleta, apesar de investimentos estrangeiros em infra-estrutura urbana, a partir de 1970;
e) densa no Sudeste, devido à bem desenvolvida infra-estrutura de transporte e ao número de cidades, viabilizando um sistema de fluxos de mercadorias e de pessoas.

4. UFAC – À medida que as metrópoles se expandiram horizontalmente, aumentou o número de pessoas que todos os dias se deslocam do interior de sua casa para o trabalho ou para a escola e vice-versa. Muitas vezes, os habitantes vão de uma cidade para outra percorrendo longas distâncias. Esse vaivém de pessoas entre dois lugares diferentes é chamado de:
 a) migração pendular.
b) êxodo rural.
c) transumância.
d) imigração.
e) emigração.
5. (UFMA - PSG) O fenômeno urbano, em que as cidades vêm se expandindo, tornando-se contínuas e integradas, gerando problemas de infra-estrutura urbana comuns, tem o nome de:
a) sítio urbano
b) conurbação
c) hierarquia urbana
d) favelização
e) metropolização

Nenhum comentário: