quinta-feira, 29 de novembro de 2018

Bolsonaro bate continência para assessor de Trump e humilha brasileiros

Na manhã desta quinta, o presidente eleito Jair Bolsonaro provou que governa para servir a interesses dos Estados Unidos e não do povo brasileiro; bateu continência para o assessor de segurança de Donald Trump, John Bolton, ao recebê-lo em sua casa no Rio; conhecido como 'senhor da guerra', Bolton quer que o Brasil, a nova colônia dos EUA na América Latina, pressione a Venezuela e sufoque Cuba; Bolsonaro já acabou com os Mais Médicos, deixando milhões de brasileiros sem assistência, e pode entrar num conflito com venezuelanos; militares nacionalistas, como o general Mourão, estão preocupados com a humilhante submissão do Brasil; segundo decreto que regulamente o tema, "a continência parte sempre do militar de menor precedência hierárquica"; assista o vídeo do momento humilhante para o país.

Com informações do 247.

Nenhum comentário: