sexta-feira, 28 de julho de 2017

Tipos de Chuvas: orográficas, convectivas e frontais

Para identificarmos os tipos de precipitação que ocorrem, devemos levar em consideração onde está acontecendo a condensação. Se a condensação ocorrer próximo à superfície, teremos as chamadas precipitações superficiais. Quando isso acontece forma-se o nevoeiro ou neblina, orvalho (gotas de água que se acumulam sobre a superfície das plantas, carros etc.)


Se o vapor de água condensar muito acima da superfície terrestre, temos a formação das nuvens. Responsáveis pelas precipitações atmosférica não superficiais. Neste tipo de precipitação destaca-se: A neve, o granizo e a chuva.
Neste artigo, vamos nos ater as chuvas, que são resultantes do contato de uma nuvem carregada de vapor de água com uma camada de ar frio. No geral, as chuvas são classificadas em três tipos:

I - Chuva convectiva – ocorre devido a ascensão vertical do ar, que, ao entrar em contato com as camadas de ar frio, sofre condensação e se precipita. Geralmente ocorre com intensidade (forte), rápida, acompanhada de trovões e às vezes de granizo (chuva de verão ou equatorial).
II - Chuva Frontal – acontece quando ocorre o encontro de uma massa de ar frio (frente fria) com uma massa de ar quente (frente quente). É menos intensa e mais duradoura.
III - Chuva orográfica ou de relevo – É resultante do deslocamento horizontal do ar, que, ao entrar em contato com regiões elevadas (serras e montanhas), sofre condensação e consequente precipitação.

Vale salientar que a distribuição das chuvas ocorre de forma irregular, e que elas são abundantes nas regiões equatoriais, moderadas nas regiões temperadas e fracas nas áreas próximo aos polos. 


Referências
Climatologia para os trópicos - tipos de chuva. Blog Observatório Histórico Geográfico.

Nenhum comentário: