segunda-feira, 31 de julho de 2017

Daiene Mendes: Eu nunca fui boa em Geografia

Não mesmo, nunca fez sentido pra mim tantos nomes, Estados, Países. Eu Pensei que nunca fosse sair do Alemão.


Tem muita gente assustada porque não consegui responder de cara, a pergunta sobre a capital do Paraná. Tão me criticando bastante me chamando de burra, até criaram matéria em site de entretenimento.

Quando isso acontece, eu lembro dos meus 15 anos que junto com a minha mãe, eu fui no centro da Cidade pela primeira vez. O centro da cidade do Rio mesmo. Eu ficava olhando de boca aberta pra cima, vendo que os prédios eram muito altos.
Nunca gostei de geografia, porque pensei que nunca fosse precisar dela e nunca precisei até os meus 23 anos quando pela primeira vez na vida, entrei em um avião com destino à Nova York para conhecer outras iniciativas de jornalismo comunitário à convite do Consulado Americano dos Estados Unidos no Brasil.

Eu nunca gostei de geografia e nunca fez sentido pra mim até que, contrariando todas as expectativas, há um mês, voei para Vancouver, Canadá. Viagem que só foi possível graças a participação de muita gente através da campanha#DaieneVaiProCanadá.

Eu nunca gostei de geografia, mas ela começou a fazer sentindo pra mim depois que fui convidada para falar em um dos eventos mais importantes da Anistia Internacional que vai acontecer em ROMA, na Itália, daqui a uma semana.
Eu realmente nunca gostei de geografia, mas ela começou a fazer sentido a partir do momento em que percebi que o mundo inteiro também pode ser meu, ter que ser dos moradores das favelas e tem que ser pra todo mundo.

Eu NUNCA gostei de geografia, mas agora ela faz sentido pq finalmente entendi que#VaiTerFaveladoNoMundoTODO.

Nenhum comentário: