quarta-feira, 14 de outubro de 2015

História de Japeri, Rio de Janeiro - RJ

Histórico do Município: Japeri, Rio de Janeiro - RJ
Gentílico: japeriense

Japeri emancipou-se na década de 1980 do Município de Nova Iguaçu. Durante o seu processo de formação sempre esteve sob influência direta da cidade do Rio de Janeiro e de outros municípios da Região Metropolitana, da qual faz parte. A palavra Japeri é de origem indígena e denominava uma planta semelhante ao junco, que flutuava nos pântanos da região, a qual os índios chamavam yaperi. Esta denominação substituiu o nome de Belém, dado à localidade pelos bandeirantes paulistas responsáveis por sua ocupação, que permaneceram em seu território por quase dois séculos.

Contudo, não existiam tribos indígenas assentadas em Belém, quando se deu sua fundação. Os silvícolas que por aqui passavam eram de tribos Itaguaís, que habitavam as terras às margens do Rio Guandu, onde se acha hoje o município de Itaguaí.

A história de Japeri tem início em 1743, quando de sua fundação, como Morgado de Belém. Posteriormente, o Marquês de São João Marcos deu à localidade grande desenvolvimento. Além de incentivar a lavoura, montou vários engenhos de açúcar, construiu inúmeras casas, erigiu a Igreja do Menino de Deus de Belém, inaugurou a primeira escola e, em 1872, criou um teatro. Ainda por influência do marquês, foi construída a Estrada de Ferro D. Pedro II, cuja estação foi inaugurada em 8 de dezembro de 1858.

A devastação impiedosa de suas matas trouxe como resultado funesto a obstrução dos rios e o seu conseqüente extravasamento motivou a formação de pântanos, onde os miasmas e os mosquitos tornavam a região praticamente inabitável. As terras foram abandonadas e cobriram-se de vegetação inútil, própria de pantanais.

No ano de 1951, a antiga Belém passa a constituir, juntamente com Engenheiro Pedreira, o 6º distrito de Nova Iguaçu, Japeri. Por haver, em um só distrito, duas localidades distintas, foram criadas as Administrações Regionais de Engenheiro Pedreira e de Japeri. Por estarem politicamente constituídas em um único distrito, surgiram os primeiros movimentos emancipatórios. Um plebiscito em 30 de junho de 1991, com a finalidade de obter a emancipação político-administrativa de distrito, resultou na criação do Município de Japeri, constituído pelas localidades de Japeri, Engenheiro Pedreira, Jaceruba e Rio D'Ouro. 

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Japeri, pela lei estadual nº.1472, de 28-04-1952. Sede no povoado de Japeri desmembrado do distrito de Belford Roxo, subordinado ao município de Nova Iguaçu. 
Em divisão territorial datada de I-VII-1960, o distrito de Japeri permanece no município de Nova Iguaçu.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 17-I-1991. 
Elevado à categoria de município com a denominação de Japeri, pela lei estadual nº.1902, de 02-12-1991, desmembrado de Nova Iguaçu. Sede no antigo distrito de Japeri. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1993. 
Em divisão territorial datada de 1-VI-1995, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

Fonte: Biblioteca IBGE.

Nenhum comentário: