sábado, 19 de setembro de 2015

História de Bocaina, São Paulo – SP

Histórico do Município: Bocaina, São Paulo – SP
Gentílico: bocainense

Nas proximidades do rio Jacaré-Pipira, junto a um boqueirão no meio da mata, foi fundada pelo Capitão Bento Bernardes Rangel e Luiz Valladão de Freitas, a povoação de ″Arraial de São João″, mais tarde chamada São João da Bocaina.
O nome decorreu da devoção ao santo das festas juninas, época em que se deu a fundação, e ″Bocaina″em virtude do grotão ou boqueirão junto ao qual foi instalado o povoado, em terras doadas por José Inácio e seu sobrinho José Inácio Alvarenga.

Em julho de 1890 São João da Bocaina foi elevado a distrito policial e no ano seguinte, em fevereiro, foi criado o distrito de Paz, que passou, em 11-07-1891, para município.

O município passou a denominar-se simplesmente Bocaina, pelo decreto nº 9775, de 30-11-1938.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de São João da Bocaina, pelo decreto estadual 131, de 28-02-1891, subordinado ao município de Jaú.
Elevado à categoria de vila com a denominação de São João da Bocaina, pelo decreto-lei estadual nº 175, de 23-05-1891, desmembrado de Jaú. Sede na vila de São João da Bocaina. Constituído do distrito sede. Instalado em 11-07-1891.
Elevado à condição de cidade com a denominação de São João da Bocaína, por força da lei estadual nº 1038, de 19-12-1906.
Em divisão administrativa referente ao ano 1911, o município é constituído de distrito sede. 
Assim permanecendo em divisões territoriais de 31-XII-1936 e 31-XII-1937.
Pelo decreto estadual nº 9775, de 30-11-1938, o município de São João da Bocaína passou a denominar-se simplesmente Bocaína. 
No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o município é Bocaína (ex-São João da Bocaína), é constituído do distrito sede.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído do distrito sede. 
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2009.

Alteração toponímica municipal
São João de Bocaina para Bocaina, alterado pelo decreto-lei estadual nº 9775, de 30-11-1938.

Fonte: Biblioteca do IBGE.

Nenhum comentário: