terça-feira, 1 de setembro de 2015

História de Barão de Antonina, São Paulo – SP

Histórico do Município: Barão de Antonina, São Paulo – SP 
Gentílico: barãoence

As terras atualmente ocupadas pelo Município de Barão de Antonina, pertenceram a João da Silva Machado, o nascido em Taquari no Rio Grande do Sul. Em 1821, foi escolhido eleitor da Quinta Comarca de São Paulo, encarregado da Eleição dos Representantes do Brasil junto às cortes de Lisboa. Foi, por vários anos, Deputado na Assembléia Provincial e Vice-Presidente da Província.

Prestou grandes serviços ao País nos trabalhos de aldeamentos de índios, abertura de estradas e na fundação de colônias estrangeiras.

O Departamento de Imigração, Órgão da Secretaria da Agricultura do Estado de São Paulo, com a anuência dos herdeiros de Barão de Antonina, procedeu à demarcação de suas terras em lotes de 20 alqueires, que foram vendidos a brasileiros e imigrantes europeus. No ano de 1929, foi então criado o Núcleo Colonial Barão de Antonina.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Barão de Antonina, pelo decreto-lei estadual nº 14334, de 30-11-1944, subordinado ao município de Itaporanga.
Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito de Barão de Antonina figura no município de Itaporanga. 
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 31-XII-1963.
Elevado à categoria de município com a denominação de Barão de Antonina, pela lei estadual nº 8092 de 28-02-1964, desmembrado do município de Itaporanga. Sede no antigo distrito de Barão de Antonina. Constituído do distrito sede. Instalado em 21-03-1965.
Em divisão territorial datada de 31-XII-1968, o município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2009.

Fonte: Biblioteca do IBGE.

Nenhum comentário: