quarta-feira, 15 de julho de 2015

Belo Horizonte

Belo Horizonte é a capital do estado de Minas Gerais. Com área de aproximadamente 300 km², possui geografia diversificada, com morros e baixadas.

Cercada pela Serra do Curral, que lhe serve de moldura natural e referência histórica, foi planejada e construída para ser a capital política e administrativa do estado mineiro sob a influência das ideias do positivismo, em momento de forte apelo da ideologia republicana no país. Teve acelerado crescimento populacional, chegando a mais de 1 milhão de habitantes com quase 70 anos de fundação, com o avanço da industrialização entre as décadas de 1930 e 1940. Possui muitas construções de inspiração modernista, notadamente as casas do bairro Cidade Jardim, que ajudaram a definir a fisionomia da cidade.
A partir do topo, em sentido horário: Cidade Administrativa de Minas Gerais;
 Igreja São Francisco de Assis (na Pampulha); panorama geral da cidade; Praça Rui Barbosa e estádio Mineirão.
De acordo com o censo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) em 2010, sua população é de 2.375,444 habitantes, sendo a sexta cidade mais populosa do país. Belo Horizonte já foi indicada pelo Population Crisis Commitee, da ONU, como a metrópole com melhor qualidade de vida na América Latina e a 45ª entre as 100 melhores cidades do mundo. Hoje a cidade tem o quinto maior PIB entre os municípios brasileiros, que representa 1,38% do total das riquezas produzidas no país. Uma evidência do desenvolvimento da cidade nos últimos tempos é a classificação da revista América Economía, na qual Belo Horizonte aparece como uma das 10 melhores cidades para fazer negócios da América Latina em 2009, segunda do Brasil e à frente de cidades como Rio de Janeiro, Brasília e Curitiba.

Conta com importantes monumentos, parques e museus, como o Museu de Arte da Pampulha, o Museu de Artes e Ofícios, o Museu de Ciências Naturais da PUC Minas, o Circuito Cultural Praça da liberdade, o Conjunto Arquitetônico da Pampulha, o Mercado Central e a Savassi. Sedia eventos de grande repercussão, como o Festival Creamfields Brasil, o Festival Internacional de Teatro, Palco e Rua FIT-BH), Festival Internacional de Curtas e o Encontro Internacional de Literaturas em Língua Portuguesa. É também nacionalmente conhecida como a "capital nacional do boteco", por existirem mais bares per capita do que qualquer outra grande cidade do Brasil.

Fonte: Itamaraty

Nenhum comentário: