sexta-feira, 31 de janeiro de 2014

O Brasil na Copa do Mundo de 2010

Depois da preparação excessivamente festiva e o consequente fracasso em 2006, Dunga foi escolhido para ser o treinador do Brasil no ciclo para a Copa de 2010. Tetracampeão em 1994 e com fama de disciplinador, o gaúcho não tinha experiência como técnico, mas conseguiu uma série de resultados positivos antes de embarcar para a África do Sul. Sob o comando de Dunga, a Seleção Brasileira venceu a Copa América de 2007 e a Copa das Confederações de 2009.

O treinador formou um grupo de jogadores de sua confiança e conseguiu colocar o Brasil mais uma vez como favorito. Tudo deu certo até o segundo tempo das quartas de final. Na primeira fase, o Brasil ganhou da Coreia do Norte e da Costa do Marfim, além de ter empatado com Portugal. Classificado em primeiro do grupo, enfrentou o Chile nas oitavas de final. Resultado: vitória tranquila por 3 x 0.

Contra a Holanda, a Seleção Brasileira fez um primeiro tempo quase perfeito e foi para o intervalo vencendo por 1 x 0, gol de Robinho com passe de Felipe Melo. Ninguém poderia imaginar o que viria no segundo tempo. A Holanda empatou já aos sete minutos. A zaga falhou, o goleiro Julio Cesar saiu mal e a bola, que tinha sido cruzada por Wesley Sneijder, desviou de leve em Felipe Melo antes de entrar.

Desestabilizado, o Brasil se perdeu em campo e viu a Holanda virar. Dessa vez, Kuyt desviou uma cobrança de escanteio e a bola caiu na cabeça do baixinho Sneijder, que só mandou para as redes. A situação ainda piorou quando, descontrolado, Felipe Melo fez falta e deu um pisão em Robben, recebendo o cartão vermelho. Uma melancólica despedida para o Brasil de Todas as Copas.
Cartaz oficial da Copa do Mundo de 2010, na África do Sul
país sede - África do Sul
campeão - Espanha
vice - Espanha
colocação do Brasil - sexto lugar

Nenhum comentário: